Abel Ferreira comenta sobre vitória e elogia qualidade devido ao gramado
Reprodução / VAVEL Brasil

Neste sábado (21), o Palmeiras foi até a Serra Gaúcha enfrentar o Juventude pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. O time palestrino venceu por 3 a 0.

Em coletiva de imprensa, Abel comentou sobre seu orgulho sobre a vitória mas também ressaltou que faz parte do seu trabalho, em que faz os jogadores darem seu melhor em cada jogo e o resultado acaba sendo consequência.

Abel também comentou sobre sua relação com a base do Palmeiras, que vem em constante evolução, tendo ótimos atletas à sua disposição e podendo utilizá-los nos momentos necessários.

"Eu olho com muito carinho, os jogadores da base são extremamente importantes para o nosso trabalho, nós damos muita importância. Desde que chegamos, trabalhamos muito com os meninos da base, fazemos muitos treinos, chamamos muitas vezes os meninos da base para treinar conosco, e hoje temos dez aqui, e há 3 dias treinamos com mais dez lá, é uma coisa que eu já fazia, não só de agora. Quando sinto que estão preparados para nos ajudar, vou mantê-los, mas vou mantê-los quando sentir que for o momento certo", relatou Abel Ferreira.

Naves, fez seu primeiro jogo em 2022 nesta partida, o técnico explicou o porquê de ter escolhido o jogador do Sub20 para jogar os 14 minutos finais.

"Eu o vi com muita qualidade, mas o que mais me surpreendeu foi a maturidade e seriedade em que treina, pra mim isso é fundamental. É nos treinos que os jogadores passam confiança e recebem a confiança, quando é assim é só questão de tempo. Sabe que na posição de zagueiro tem uma concorrência forte, mas foi preciso, correspondeu e estamos todos contentes", disse o treinador do time palestrino.

Abel também entende que ainda está no início do campeonato, deve se basear nos números, mas ainda não é parâmetro para prever o final. Entende que nunca é uma vitória certa, que todos os times são qualificados e que até o momento não há certezas. 

O treinador também ovacionou o gramado Jaconero: "disse aos meus jogadores que fiquem tranquilos quando jogar, pra mim é um dos melhores gramados do Brasil. Tem de tentar explicar a importância de um gramado interfere na qualidade de jogo e compare a isso com um carro de Fórmula 1 com os pneus na chuva. A CBF que tem mais poder econômico tem que fazer isso, ter gramados assim. Dou os parabéns ao Juventude e ao presidente pelo gramado,  devia ser obrigatório todos os clubes terem gramados deste nível, se querem bons jogos, se querem boas concessões, se querem boas finalizações, se querem bons cruzamentos, é preciso ter o gramado desta maneira".

O técnico do time paulista, também comentou sobre sua advertência com cartão amarelo por reclamação, em que relatou que era falta clara no Rony, que não foi marcada. Chamou o árbitro de fraco e foi penalizado por isso. Abel também relatou a inconsistência na arbitragem brasileira, às vezes as faltas são marcadas e às vezes não. Reclamou que muitas vezes não são profissionais. Também notou que nunca tem problema com bons árbitros, apenas com inconsistentes. Agora, o técnico está fora da comissão técnica no jogo contra o Santos na oitava rodada.

VAVEL Logo