Rodinei marca golaço e Flamengo busca empate contra Avaí na Ilha do Urubu

Leão saiu na frente na primeira etapa, segurou pressão, mas chute de fora da área já na reta final do jogo salvou o Fla de derrota em casa

Rodinei marca golaço e Flamengo busca empate contra Avaí na Ilha do Urubu
Formado na base do Leão, lateral marcou gol da igualdade no RJ (Foto: Gilvan de Souza/CR Flamengo)
Flamengo
1 1
Avaí
Flamengo: Diego Alves; Rodinei, Rhodolfo, Rafael Vaz, Renê; Márcio Araújo, Mancuello (Felipe Vizeu, min. 21/2ºt); Éverton Ribeiro, Matheus Sávio (Geuvânio, intervalo), Gabriel (Vinícius Júnior, min. 32/2ºt); Lucas Paquetá. Técnico: Reinaldo Rueda
Avaí: Douglas; Leandro Silva, Alemão, Betão, Capa; Judson, Wellington Simião (Luanzinho, min. 41/2ºt); Júnior Dutra, Pedro Castro, Juan (Willians, min. 19/2ºt); Joel (Lucas Otávio, 45+2/2ºt). Técnico: Claudinei Oliveira
Placar: 0-1, min. 18/1ºt, Pedro Castro. 1-1, min. 36/2ºt, Rodinei
ÁRBITRO: Cláudio Francisco Lima e Silva (SE), auxiliado por Cleriston Clay Barreto Rios (SE) e Fábio Pereira (TO). Amarelos: Gabriel, Berrío (FLA)
INCIDENCIAS: Partida válida pela 25ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro 2017, no Estádio Ilha do Urubu, no Rio de Janeiro, RJ. Público total: 9.584 presentes; Renda: R$ 290.381,00

Às vésperas da decisão da Copa do Brasil, o Flamengo saiu atrás, mas, após muita pressão, buscou empate diante de seu torcedor e empatou com o Avaí por 1 a 1, na Ilha do Urubu, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro. Pedro Castro marcou para os catarinenses, mas Rodinei, formado na base do time catarinense, marcou um golaço na reta final da partida para empatar no Rio de Janeiro.

Com o empate, o Flamengo sobe para os 39 pontos, em 5º lugar, mas ainda podendo ser ultrapassado por Cruzeiro e Botafogo. Já o Avaí chega ao sétimo jogo sem derrota na Série A e chega aos 30 pontos, em 12º.

Na quarta-feira (27), o Flamengo decide a Copa do Brasil diante do Cruzeiro, no Mineirão, às 21h45 - a partida de ida terminou 1 a 1. Pelo Brasileiro, o Rubro-Negro visita a Ponte Preta, na segunda-feira (2/10), às 20h. Já o Avaí joga na Ressacada diante do Atlético-GO, no domingo (1/10), às 16h

Avaí aproveita chances e abre o placar

Mesmo poupando muitos titulares, o Flamengo teve um início promissor na sua casa. Com menos de um minuto, Éverton Ribeiro recebeu na entrada da área, trouxe para o pé direito e bateu colocado, com perigo sobre o gol. Aos 3, Gabriel tabelou com Éverton Ribeiro, apareceu pelo meio e bateu de fora da área de canhota, à direita do gol.

Passado esse início de pressão flamenguista, o Avaí conseguiu estabelecer sua marcação, manter mais a posse de bola e equilibrar a partida na Ilha do Urubu. O Flamengo teve mais posse de bola (63%) e mais finalizações (10 a 5), mas o número de chances claras de gol foi muito equilibrado: cinco a quatro.

Aos 12, após boa jogada pela esquerda do ataque, Júnior Dutra tentou o passe, a bola rebateu na defesa do Flamengo e sobrou livre para Pedro Castro, que tentou deslocar o goleiro na finalização, mas parou em ótima defesa de Diego Alves. Cinco minutos depois, em falta lateral, Pedro Castro bateu fechado, Leandro Silva tentou desviar, mas a bola passou por todo mundo e morreu no fundo do gol rubro-negro: 1 a 0 para o Avaí.

O Flamengo teve duas chances logo em sequência para buscar o empate. Aos 19, Éverton Ribeiro cruzou da direita, Paquetá conseguiu deslocar-se e desviou de cabeça, com muito perigo à esquerda do gol avaiano. Na jogada seguinte, foi a vez de Paquetá fazer boa jogada pela direita e cruzar rasteiro para Sávio, que parou em defesa de Douglas.

Mesmo com o domínio na posse de bola, o Flamengo não conseguiu se impor e abusou de cruzamentos, apesar de ter criado as melhores chances em trocas de passes de seus meias. Enquanto isso, o Avaí tentava aproveitar as falhas dos mandantes. Aos 29, no lançamento longo da defesa, Rafael Vaz tentou cortar, mas furou e a bola sobrou para Joel, que bateu de fora da área, mas mandou à direita.

Aos 31, depois de roubar a bola no campo de ataque, Éverton Ribeiro tocou para Sávio, que girou batendo de pé esquerdo, mas Douglas caiu e defendeu. A próxima chance clara do Fla só veio aos 43. Em contra-ataque puxado por Éverton Ribeiro, Mancuello recebeu pelo meio e tocou para Paquetá, que bateu da entrada da área, mas mandou para fora. Assim, o Avaí segurou bem sua vantagem, enquanto os mandantes foram para o intervalo ouvindo vaias na Ilha do Urubu.

Flamengo pressiona e busca empate com golaço de Rodinei

Para a segunda etapa, Reinaldo Rueda trocou Matheus Sávio por Geuvânio, o que aumentar o poder de fogo do ataque flamenguista. Aos 7, depois de cobrança de lateral, Renê recebeu pelo meio e arriscou de fora da área, e a bola ainda desviou na defesa antes da defesa segura de Douglas. Dois minutos depois, Geuvânio tabelou com Éverton Ribeiro na direita, cruzou fechado e Paquetá se lançou na bola, que acabou explodindo na trade esquerda do Avaí.

Como é usual, o Avaí apostou em sua estratégia de defender-se e apostar no contra-ataque, dificultando a entrada do Flamengo em sua área, mas sofrendo com chutes de longe da área. Aos 11, Rodinei avançou pela direita, deixou Capa para trás e arriscou de fora da área, mas, desequilibrado, mandou por cima do gol. Na sequência, Éverton Ribeiro recebeu com espaço entre as linhas avaianas, ajeitou para o pé esquerdo e arriscou de fora da área, mas Douglas caiu bem para espalmar para fora.

Rueda ainda trocou Mancuello pelo centro-avante Felipe Vizeu, buscando ganhar mais presença de área e uma nova alternativa de ataque. Aos 28, Rodinei fez jogada pela direita, levantou na segunda trave e o  centro-avante desviou de cabeça, mas em cima de Douglas.

Aos 34, Geuvânio recebeu de Paquetá na entrada da área, ajeitou no pé esquerdo e bateu no canto, mas Douglas caiu para fazer a defesa. Na cobrança de escanteio, a bola foi cortada pela defesa do Avaí e, no rebote, Rodinei arriscou de canhota, e mandou sem defesa para o goleiro. A bola ainda explodiu no travessão antes de morrer na rede avaiana: 1 a 1.

O gol de empate inflamou a Ilha do Urubu e o Flamengo se lançou ainda mais, porém dando espaços para contra-ataques do Avaí, que teve grande chance para voltar a frente do placar. Aos 44, em contra-ataque puxado desde o campo de defesa, Willians avançou pela direita, invadiu a área e bateu forte, mas Diego Alves salvou.

Mas, no fim, o Flamengo teve grande chance para vencer. Aos 47, em jogada pela direita, Éverton Ribeiro foi até a linha de fundo e cruzou para Vizeu, que apareceu livre na pequena área, mas mandou por cima. Assim, o Avaí garantiu mais uma rodada invicto, enquanto o Fla muda o foco para buscar o título na Copa do Brasil.

Flamengo