Charles Leclerc conquista pole para o GP do Azerbaijão em condições parecidas a Mônaco
Foto: Divulgação/Twitter Oficial F1

O GP do Azerbaijão tem seu pole position: Charles Leclerc, da Ferrari. O monegasco conquistou sua pole de número 9 e, dessa vez, ao contrário de Mônaco, deve largar sem problemas.

O Q1 ficou marcado pelo retorno de Lewis Hamilton ao top 1 após sessões de testes não muito boas e por uma bandeira vermelha, causada por Lance Stroll, na curva 15. Latifi, Schumacher, Mazepin, Stroll e Giovinazzi foram os eliminados.

O Q2 também teve uma bandeira vermelha pra chamar de sua: Daniel Ricciardo, da McLaren, bateu na curva 3 e forçou uma interrupção na sessão. A direção de prova decidiu que o Q2 não seria reiniciado, eliminando Sebastian Vettel, que parecia vir forte para o Q3. Os eliminados foram Russel, Raikkonen, Ricciardo, Ocon e Vettel.

Uma fila se formou ao fim do Q3, quando faltava apenas um minuto para o fim da sessão. Os pilotos tentavam se beneficiar de um vácuo do carro da frente. Quando partiram pra volta rápida, logo tiveram que parar, já que Tsnuoda e Sainz bateram na mesma curva, a 3, e trouxeram uma terceira bandeira vermelha. Como o tempo restante no Q3 já era pequeno, a sessão foi declarada finalizada, e Leclerc conquistou a pole.

Desta forma, o grid irá se alinha da seguinte forma para a corrida deste domingo:

Entrevistas

"Foi uma volta de m... eu penso. Eu não esperava que fossemos tão competitivos como fomos, e achei que estava melhorando antes da bandeira vermelha. Estou feliz de qualquer forma".

"Com certeza não estávamos esperando por isso. Estou muito orgulhoso de todo mundo, é uma ótima posição. Esse é um enorme passo".

"Foi um qualify estúpido pra ser honesto, mas é o que é. É uma corrida de rua então essas coisas podem acontecer, nosso carro é bom então esperamos marcar bons pontos amanhã"

 

A largada para o GP do Azerbaijão será dada neste domingo (6), às 9h, e você pode assistir na Band. A VAVEL Brasil faz a cobertura completa, com o tempo real por aqui.

VAVEL Logo