Wawrinka perde de virada para Bublik na estreia em Monte Carlo; Schwartzman bate Khachanov
Foto: Divulgação/ATP

Em sua primeira partida em nível ATP desde março de 2021 e a segunda no ano, o #236 Stan Wawrinka caiu primeira rodada do Masters 1000 de Monte Carlo. Nesta segunda (11), o ex-top 5, que havia perdido na estreia em seu comeback no Challenger de Marbella, foi derrotado pelo #26 Alexander Bublik em Mônaco.

O placar foi de 2 a 1 para o cazaque, que venceu de virada. As parciais foram de 3/6, 7/5 e 6/2 em pouco mais de duas horas de jogo. O segundo set foi o mais longo, com mais de uma hora, quando os jogadores quase foram para o tiebreak.

Bublik jogou muito agressivo durante o tempo todo na partida e, depois da primeira etapa, começou a acertar mais do que errar. Ele anotou, inclusive, onze duplas faltas durante o duelo, mas ao mesmo tempo, registrou 14 aces. Wawrinka, que recebeu convite para a competição, aguentou a pressão por bom tempo, mas não até o final.

Na primeira etapa, o suíço venceu com duas quebras a seu favor e uma contra. Na segunda, o mesmo foi quebrado ao sacar em 5/6, quando tudo indicava uma disputa de tie-reak. Por fim, na terceira e última parcial, O cazaque aplicou a virada com três vitórias no serviço do oponente e apenas uma derrota no seu.

O próximo adversário de Alexander Bublik será o #19 Pablo Carreno-Busta, cabeça de chave 13, que teve dificuldades para derrotar o qualifier #66 Sebastian Baez.

Schwartzman vence duelo de dois ex-top 10

O #16 Diego Schwartzman superou a estreia batendo o #24 Karen Khachanov também por 2 a 1, com parciais de 6(5)/7, 6/3 e 6/3. O duelo entre os dois foi uma verdadeira maratona, com mais de três horas de duração.

Os saques e golpes potentes de Khachanov surgiram efeito no início, mas com o duelo sendo arrastado, a regularidade de Schwartzman no fundo da quadra acabou fazendo a diferença para ele.

A primeira etapa foi decidida no tiebreak depois de duas quebras anotada por cada tenista, e o russo levou a melhor por 7-5. Na segunda etapa, o argentino venceu os três primeiros games, sendo dois no saque do outro, e abriu boa vantagem. Cada jogador ainda cedeu seu serviço mais uma vez e no final a liderança parcial seguiu a mesma para empatar o placar geral.

No terceiro e último set, os tenistas trocaram quebras seguidas após o 1/1. Depois, Schwartzman conseguiu mais uma em um momento preciso, quando o oponente sacava em 3/4. Após isso, ele só precisou fazer a sua parte mais uma vez para fechar a conta do duelo.

Diego Schwartzman enfrentará o #57 Marton Fucsovics na segunda rodada. O húngaro venceu o #40 Lloyd Harris por 2 a 1 na estreia.

VAVEL Logo