Fiorentina aproveita vantagem numérica e vence dérbi contra Empoli
Foto: Divulgação/ACF Fiorentina

Na briga por uma vaga em competições europeias, a Fiorentina venceu o derby dell'Arno diante do Empoli neste domingo (3) e chegou ao quarto jogo seguido sem derrotas na Serie A 2021-22. Nico González, no segundo tempo, garantiu o triunfo da Viola por 1 a 0, no Artemio Franchi, em Florença.

Tudo igual

O primeiro tempo foi de alternância de domínio no Artemio Franchi. A Fiorentina, que teve Arthur Cabral titular, começou bem e fez Vicario trabalhar aos 3, em chute de canhota de Nico González de dentro da área, e aos 8, em bomba de Biraghi de fora após cobrança ensaiada de falta.

O Empoli, porém, não se retraiu. Passado o início forte da Fiorentina, os azzurri cresceram e, aproveitando a linha alta e certa inconsistência dos rivais na defesa, conseguiram assustar. Aos 17, após cobrança de falta lateral, Terracciano saiu mal e Henderson finalizou no rebote, por cima do gol.

Aos 24, Stulac bateu falta na área e Tonelli desviou firme de cabeça, mas em cima de Terracciano. Poucos minutos depois, o zagueiro foi substituído por Ismajili por conta de uma lesão.

A Fiorentina voltou a pressionar por volta dos 30 minutos, com uma sequência de cruzamentos na área e jogadas agudas, mas que não terminaram em um volume de finalizações perigosas. A Viola terminou a primeira etapa com 13 finalizações, cinco certas, mas o gol não saiu. Aos 32, após cruzamento da esquerda, Torreira conseguiu finalizar na área, mas parou em Vicario.

Seis minutos depois, depois de outra saída confusa da Fiorentina, desta vez dentro da área, Terracciano dividiu com Pinamonti e bola sobrou para Di Francesco, que finalizou de bicicleta e mandou para as redes. O VAR, porém, chamou o árbitro e cancelou o gol por falta do atacante do Empoli no goleiro. A decisão deixou o time visitante ainda mais tenso e a etapa inicial terminou com algumas discussões entre jogadores e arbitragem.

Triunfo viola

O segundo tempo foi bem diferente, com um domínio bem mais evidente da Fiorentina. A Viola de Vincenzo Italiano pressionou desde a retomada do jogo, terminou com 63% de posse de bola e 24 finalizações, 11 na etapa final, contra apenas uma do Empoli.

Aos 5, em grande jogada de contra-ataque, Saponara recebeu na entrada da área e virou para González, que dominou e finalizou colocado, ´parando em defesa firme de Vicario. Dois minutos depois, o brasileiro Arthur chegou a balançar as redes, mas o lance foi impugnado por impedimento de Saponara.

O momento decisivo do dérbi veio aos 11. Luperto derrubou González no contra-ataque, levou segundo amarelo e foi expulso. Para piorar a situação do time de Aurelio Andreazzoli, no lance da cobrança da falta, Biraghi colocou na pequena área e Nico González se abaixou para desviar de cabeça e abrir o placar: Viola 1 a 0.

Depois disso, a Fiorentina seguiu com volume e teve várias chances para ampliar, mas não conseguiu uma vantagem mais confortável. Aos 24 Saponara recebeu de Nico González dentro da área, limpou a zaga e chutou rasteiro no contrapé do goleiro, à direita do gol. Quatro minutos depois, em jogada que começou com uma saída com o goleiro, Saponara escapou pela esquerda, González deu a assistência e encontrou Castrovilli livre na direita, mas o chute cruzado passou rente à trave.

Nos acréscimos, o Empoli chegou a assustar com alguns cruzamentos na área, mas, apesar do susto no fim, a Viola assegurou os três pontos.

Classificação e próximos compromissos

A Fiorentina segue em oitavo lugar mesmo com a vitória, mas chega aos 50 pontos e está dois atrás da Lazio, quinta colocada, e um atrás de Atalanta e Roma. Já o Empoli, que chegou ao 14º jogo seguido sem vencer no Italiano, é o 13º, com 33.

A Fiorentina volta a campo no domingo (10) diante do Napoli, fora de casa, às 10h. Um dia antes, o Empoli recebe o Spezia, às 10h. Partidas no horário de Brasília.

VAVEL Logo