Após mais uma derrota do Botafogo fora, Paquetá analisa: "Merecíamos um placar menor"
Foto: Divulgação/Botafogo

O Botafogo continua sem pontuar como visitante no retorno do Campeonato Brasileiro. No Beira-Rio, a equipe perdeu por 3 a 0 para o Internacional, com gols de Leandro Damião e dois de William Pottker, na tarde desse domingo (29).

O técnico alvinegro, Marcos Paquetá, falou sobre a derrota, as mudanças na formação e o próximo jogo de uma sequência pesada.

"Sabia que seria difícil. O início foi bom, mas tomamos os gols em duas situações parecidas. Faltou atenção. Traçamos a estratégia de diminuir o espaço de saída de bola dos volantes e conseguimos. Deixar só os zagueiros saírem jogando, só bola longa. Mas eles são altos na frente e velozes e causaram um desalinhamento da nossa defesa. Depois retomamos, conseguimos a marcação, acho que merecíamos um placar menor. Foi exagerado em função do que tinha planejado. A atenção tem que melhorar”

Para essa partida, o Botafogo não contou com Kieza, que está se recuperando de um incômodo no púbis e no adutor. Paquetá afirmou que optou por jogadores mais inteiros no ataque, escalou Aguirre e Brenner, deixando Valencia no banco.

“Ele é muito intenso em todos os jogos, precisava ter um descanso e era importante dar uma refrescada na equipe depois de uma sequência de jogos pesados”. Outra novidade foi Marcinho como ponta-direita, o que agradou o comandante.

O próximo desafio do Alvinegro é pela Sul-Americana. O time viaja para o Paraguai na segunda-feira (30) e faz treino no campo da Conmebol às 18h30. Na quarta-feira (1/8), enfrenta o Nacional do Paraguai, no Estádio Defensores Del Chaco, às 19h30. O treinador confirmou força máxima ao garantir que conta com Kieza, Moisés e Luiz Fernando, os dois últimos sentiram desgaste na partida contra o Colorado, mas não preocupam.

VAVEL Logo