Favorito, Santos encara Delfín para se aproximar de vaga ao mata-mata da Libertadores
Foto: Divulgação/Santos FC

Precisando da vitória para quebrar sequência de jogos sem vencer, o Santos de Cuca enfrenta o inconstante Delfín, do Equador, pela Libertadores da América, nesta quinta-feira (24), às 23h. A partida marcará a quarta rodada da fase de grupos. A VAVEL Brasil acompanha o jogo em tempo real.

O Santos confia em Marinho para fazer a diferença na partida, visto que o atacante é o artilheiro da equipe praiana, no ano. O Peixe pode quebrar uma sequência de três empates seguidos e se aproximar da classificação, na competição, com duas rodadas de antecedência.

O Delfín, por sua vez, precisa encontrar a regularidade necessária para vencer o líder de seu grupo e buscar uma retomada na Libertadores para manter as esperanças de seguir vivo na competição.

Delfín vai atrás de improvável classificação

Se derrotado, a equipe equatoriana se vê matematicamente desclassificado do torneio sulamericano e tentará repetir atuação que teve sobre o Muchuc Runa, pelo Campeonato Equatoriano, na vitória por 4 a 1.

Com força total, o Delfín do técnico argentino Miguel Ángel Zahzú buscará o tudo ou nada, na partida e deve ir com tudo para cima do Peixe e apostar no desgaste dos brasileiros para buscar o resultado em casa.

Provável escalação do Delfín: Villalva; González, Cangá, Rodríguez, Nazareno; Plaza (Ale), Corozo, Ortiz, Villalva; Valencia (Cifuente) e Garcés.

Santos quer melhorar desempenho

A torcida do Santos está desconfiada do futebol apresentado pelo alvinegro. O time de Cuca empatou três jogos seguidos, um deles na Libertadores, e pode até mesmo ser eliminado da competição se falhar nos próximos jogos.

Apesar da defesa se mostrar efetiva, o ataque depende de lampejos de Marinho e isso preocupa ao treinador santista, já que Soteldo e Sanchez, destaques do ano passado, vivem fase discreta.

Provável escalação do Santos: João Paulo; Pará, Lucas Veríssimo, Luan Peres, Felipe Jonatan; Diego Pituca, Carlos Sánchez, Jean Mota (Arthur Gomes); Marinho, Soteldo e Raniel (Kaio Jorge).

VAVEL Logo