Cruzeiro domina, mas amarga empate com Cuiabá e acesso vira miragem
(Foto: Divulgação/Ascom Cuiabá)

Com abatimento no rosto os jogadores do Cruzeiro deixaram o campo nessa terça-feira (29), após o empate sem gols com o Cuiabá, em jogo realizado no Independência, válido pela 32ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

O jogo

O Cruzeiro esteve com o jogo na mão praticamente durante todos os 90 minutos. Foi ampla posse de bola (65%), mais finalizações (16/6), mas o sistema ofensivo não esteve em uma noite inspirada.

A Raposa teve a volta de Rafael Sóbis ao time titular, após cumprir suspensão contra a Ponte Preta. No entanto, o atacante encontrou poucos espaços na defesa do adversário e não conseguiu se sobressair.

Outra novidade na equipe foi Giovanni, que entrou para desempenhar uma função de armador. Porém, esteve bastante marcado e não conseguiu construir jogadas, tampouco chutar de fora da área – característica do jogador.

Destaque durante os 90 minutos para a defesa do Dourado, que neutralizou todas as ofensivas celestes. Outro ponto negativo no ataque do Cruzeiro foi o atacante William Pottker, que errava tudo o que tentava.

Apesar da pressão do Cruzeiro, foi o Cuiabá que teve a grande oportunidade no jogo, aos 31 minutos do primeiro tempo. Em um lance de arrancada de Marcinho, o meia chegou até a linha de fundo e mandou um belo toque de calcanhar para trás. A bola chegou aos pés de Pierini, que finalizou, mas o zagueiro Manoel fez um milagre e salvou a Raposa de uma derrota.

Ao final da partida, devido as circunstâncias do que foi o jogo, o empate foi comemorado pelos jogadores do time mato-grossense.

Classificação e próximos compromissos

O resultado praticamente anulou as chances matemáticas do Cruzeiro de sonhar com uma possível volta à elite. A equipe está na 11ª colocação, com 41 pontos – atualmente oito de distância do G-4.

Já o Cuiabá continua na 3ª colocação, agora com 51 pontos. O time ainda pode cair posições, dependendo de outros resultados até o fim da rodada.

O Cruzeiro deve cumprir somente agenda até o final do Brasileirão. O time não tem chances de subir, nem de cair. O próximo jogo será no dia 8 de janeiro, com o Sampaio Corrêa, no Maranhão.

Já o Cuiabá, que busca chegar pela primeira vez à Série A, continuará a missão no dia 5 janeiro, com o concorrente direto Juventude, na Arena Pantanal.

VAVEL Logo