Polêmicas de arbitragem, expulsão e dois pênaltis: o empate entre Atlético-GO e Santos
Divulgação/Santos

Em jogo válido pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Atlético Goianiense recebeu o Santos no Estádio Antônio Accioly no último sábado (6).

E com algumas polêmicas de arbitragem e dois gols de pênalti, Dragão e Peixe empataram em 1 a 1. Jean abriu o placar e Marcos Leonardo empatou.

Santos pressiona, mas Dragão sai na frente

A primeira jogada de real perigo foi em um chute de longe de Felipe Jonatan, que bateu forte de fora da área e mandou por cima do gol, aos 28 minutos.

Mas um minuto depois Dudu desceu pela direita, invadiu a área e foi segurado por Arthur Gomes, ganhando o pênalti! O goleiro Jean bateu o pênalti com força, no meio do gol, enquanto João Paulo caiu para o lado direito sem nada poder fazer além de ver o Dragão abrir o placar!

Aos 40 minutos Wellington Rato bateu de longe e mandou por cima do gol, mas o Atlético tentava chegar mais vezes após o gol.

O Santos pressionou mais na primeira etapa, somando 64% de posse, contra 36% do Atlético. Apesar disso que chegou com mais perigo foi o Dragão, que somou seis finalizações, com duas certas, contra três do peixe, que não acertou o gol.

Já na segunda etapa, aos nove minutos, Zé Roberto conseguiu uma ótima jogada para cima da defesa santista e bateu por cima do gol, com muito perigo.

Mas aos 18 minutos Matheus Vargas deu um carrinho em Luan Peres e levou amarelo por isso. Mas o VAR chamou o árbitro, que viu o lance novamente e agora expulsou o meio campista do Dragão.

Após a expulsão, o Santos passou a pressionar. Soteldo, aos 26, foi pra cima da marcação e cruzou para Bruno Marques, que cabeceou por cima do gol.

E a pressão do Santos deu resultado aos 31 minutos, em um cruzamento vindo da direita, com um desvio no meio e a bola pegou no braço de Éder, que cometeu o pênalti!

Após uma grande discussão para saber quem bateria o pênalti, Marcos Leonardo bateu forte, no meio. Jean caiu para o lado esquerdo e nada pode fazer. Assim o jogo estava empatado!

Aos 37 Soteldo conseguiu uma boa jogada pela esquerda e cruzou para Laércio cabecear e ver Jean espalmar, salvando o Atlético!

Aos 50 (!) Soteldo levantou a bola na área e ela passou por todo mundo, indo para fora sem desvio, mas com muito perigo!

A expulsão influenciou no andar da partida, com o Santos aumentando a pressão, somando 70% de posse contra 30% do Atlético. O Dragão finalizou sete vezes, acertando duas, contra 18 do Peixe, que acertou três.

Próximos jogos e classificação

O Atlético volta a campo neste domingo (sim, isso mesmo, dia 7), quando encara o Brasiliense pela volta das quartas de final da Copa Verde, às 15h30. O primeiro jogo foi 2 a 1 para o time da capital do Brasil. Já o Santos volta a campo no sábado (13), quando encara o Coritiba, às 19h.

Standings provided by SofaScore LiveScore
VAVEL Logo