Coritiba e Confiança põem à prova maiores invencibilidades do momento na Série B
Na única vez que se enfrentaram o Coritiba venceu por 1 a 0 (Foto: Lucas Almeida / ADC)

Nesta terça-feira (28), o Coritiba, líder da Série B, recebe o Confiança, vice-lanterna, em confronto válido pela 27ª rodada da competição, no estádio Couto Pereira, em Curitiba/PR. O duelo marca o embate de equipes que se encontram em extremos diferentes da tabela de classificação e que se enfrentaram apenas uma vez em toda a história até aqui.

Momentos das equipes

O Coxa chega em grande fase para enfrentar o Dragão. Os paranaenses foram derrotados há seis rodadas, contra o Botafogo, e de lá pra cá acumula quatro triunfos e um empate. No total, marcou nove gols e sofreu apenas dois. Além disso, os comandados de Gustavo Morígino perderam apenas quatro vezes na Série B, sendo apenas uma dentro de seus domínios, justamente para o Botafogo.

Já o Dragão vem numa crescente após o técnico Luizinho Lopes assumir o comando do time. São quatro jogos sem perder, sendo qu em três não sofreu gols. Neste período, foram duas vitórias e dois empates, com quatro gols marcados e apenas um sofrido. Com os resultados, os sergipanos viram a pontuação para o primeiro time fora da zona de rebaixamento diminuir e, consequentemente, a esperança de uma salvação aumentar.

Retrospecto do confronto

Segundo dados retirados do site oGol houve apenas um confronto entre paranaenses e sergipanos em toda a história dos dois clubes. O embate foi justamente na Série B deste ano. Na ocasião, em jogo realizado no dia 29 de junho, na Arena Batistão, em Aracaju/SE, o Coritiba venceu a partida por 1 a 0. O único tento da partida foi marcado pelo atacante Waguininho, de cabeça, após cobrança de falta de Robinho na área defensiva do Confiança.

Prováveis escalações

O treinador paraguaio Gustavo Morígino não tem desfalques para a partida. Com isso, deve ir a campo com força máxima e a mesma escalação da vitória diante do Guarani por 1 a 0. O time deve ser escalado num 4-2-3-1, com: Wilson, Natanael, Henrique, Luciano Castán e Guilherme Biro; Matheus Sales e Val; Rafinha, Robinho e Igor Paixão; Léo Gamalho. 

Já o técnico Luizinho Lopes tem alguns desfalques para o confronto. Éverton Santos, Nery Bareiro, Caíque Sá, Marcelinho, Robinho, Vinícius Simon, Altemar e Danilo Pires seguem lesionados. Por outro lado, o meia Álvaro retorna após cumprir suspensão. Sendo assim, o Dragão deve ser escalado num 4-3-3, com: Rafael Santos, Jonathan Bocão, Nirley, Adalberto e João Paulo; Madison, Jhemerson e Álvaro; Ítalo Melo, Neto Berola (Willians Santana) e Tiago Reis.

Equipe de arbitragem

O mineiro Ricardo Marques Ribeiro é o responsável por apitar a partida, sendo auxiliado por Celso Luiz da Silva e Ricardo Junio de Souza, ambos também da federação mineira. O quarto árbitro é Luiz Alexandre Fernandes, da federação paranaense, e o responsável pelo VAR é Marco Aurelio Augusto Fazekas Ferreira, também da federação mineira.

VAVEL Logo