De olho no G-4, Guarani visita lanterna Brasil de Pelotas na Série B
Foto: Thomaz Marostegan/Guarani FC

Brasil de Pelotas e Guarani se enfrentam nesta quarta-feira (10) às 19h, pela 35ª rodada da Série B do Brasileirão 2021, com o já rebaixado mandante apenas cumprindo tabela, e o visitante ainda sonhando com G-4 e acesso à elite. A bola rola no Estádio Bento Freitas, em Pelotas (RS).

Já no Brinco de Ouro, em Campinas (SP), deu Bugre: vitória sobre os gaúchos por 2 a 0. Os gols foram anotados por Bruno Sávio, de pênalti, e Matheus Bidu, com assistência do atacante.

Xavante vai a campo para evitar terceira derrota seguida

Já, matematicamente, integrando a terceira divisão do Campeonato Brasileiro 2022, o Brasil de Pelotas é o lanterna isolado da Segundona, somando apenas 23 pontos. Nas 34 partidas disputadas, foram quatro vitórias, 11 empates e 19 derrotas, com um surpreendente -22 de saldo de gols. O Xavante vem, ainda, de duas derrotas seguidas, para Sampaio Corrêa (2 a 1) e Avaí (1 a 0). A última vitória foi no jogo anterior, 3 a 2 sobre o Náutico em casa.

O técnico Jerson Testoni conta com todos os jogadores da última atuação à disposição para esta quarta. Tem, ainda, o retorno do meia Patrick entre os relacionados após suspeita de Covid-19. A surpresa pode ser na lateral esquerda, com Kevin voltando ao time.

Provável escalação do Brasil: Marcelo; Ícaro, Leandro Camilo e Héverton (Kevin); Diego, Renatinho e Bruno Matias; Rildo, Patrick e Erison.

Bugre precisa vencer e secar adversários por G-4

Ocupando a sétima colocação com 53 pontos, o Guarani sabe que pode entrar no pelotão de cima que vai disputar a primeira divisão na próxima temporada. Isso porque a distância para o quarto colocado CSA, que já jogou na rodada, é de só dois pontos. Logo, o Bugre precisa vencer nesta noite fora de casa e torcer para que CRB e Goiás não ganhem suas partidas.

A equipe de Campinas soma três jogos de invencibilidade. Nas últimas rodadas, foram duas vitórias (sobre o Vasco em casa e o Sampaio fora) e um empate, que gerou muita reclamação por parte da torcida e do próprio clube paulista. Isso porque erros de arbitragem teriam impedido o que seria uma virada espetacular sobre o Vila Nova de 2 a 0 para 3 a 2, em confronto que terminou 2 a 2.  

Daniel Paulista ainda não deve ter os retornos de Diogo Matheus na lateral direita e Júnior Todinho no ataque, ambos por dores musculares. Lucão do Break e Pablo disputam a vaga disponível no setor ofensivo. Já no meio-campo, Andrigo corre por fora por posição após boa atuação contra o Vila, enquanto Rodrigo Andrade (lesão) deve ser substituído por Índio, que volta de suspensão.

Provável escalação do Guarani: Rafael Martins; Mateus Ludke, Thales, Ronaldo Alves e Bidu; Bruno Silva, Índio e Régis; Bruno Sávio, Júlio César (Pablo) e Lucão do Break (Andrigo).

VAVEL Logo