No minuto final, o Brasil mostrou que vale a pena acreditar ao vencer de virada o Japão, por 4 a 3, em amistoso preparatório para as Olimpíadas de Paris, na tarde desta quinta-feira (30), na Neo Química Arena, em São Paulo. Bia Zaneratto duas vezes, Gabi Portilho e Priscila anotaram para as canarinhas. Enquanto Fujino, Endo e Tanaka descontaram.

Tudo igual 

O jogo começou sendo bem estudado pelas duas seleções, o Brasil buscava manter bola no pé e até pressionar. Já o Japão buscava uma forma de se infiltrar e ser fatal. Aos 37, em jogada bem trabalhada pelas japonesas, Miyazawa toca para Hasagawa na área, que passa facinho para Fujino na área, dominar, finalizar e vê a bola tocar no travessão antes de entrar abrindo o marcador para o Japão. Na sequência, o Brasil chegou dando a resposta com Bia Zaneratto em cobrança de falta pelo lado direito, batendo com maestria por cima da barreira e deixando tudo igual. Sem mudanças, a partida foi para os vestiários empatada.

Virou passeio 

A bola voltou a rolar na Neo Química Arena, e o Japão retornou mais dominante e atento a cada passe das adversárias. Enquanto isso, as brasileiras se preocupavam em fechar espaços e sair pra ataque. Aos 15, as brasileiras arrancam com velocidade em contra-ataque, e Gabi Portilho sozinha, dribla a marcação e manda no meio do gol para defesa da japonesa, que não segura firme e no rebote a brasileira não desperdiça e marca um golaço.

Na sequência, as japonesas erram passe com Minami, e Kumagai perde disputa com Bia, que avança, ganha a marcação e manda para estufar as redes, sem chances para a goleira, ampliando para o Brasil, que agora faz 3 a 1.

Mesmo com desvantagem no placar, as japonesas mostraram que não se abalaram e reagiram. Aos 38, pintou um pênalti para o Japão, após Angelina segurar Tanikawa dentro da área. Endo vai para cobrança, e manda alto no canto esquerdo e marca para as japonesas. Na sequência, Tanikawa recebe cruzamento de Shimizu e finaliza mandando para o fundo das redes, deixando tudo igual em Itaquera. Com tudo empatado, as brasileiras tentaram uma pressão em troca de passes e se lançaram em busca da vitória, que veio. Aos 51, no minuto final, Priscila recebe na área, limpa a marcação e bate de perna esquerda para encobrir a goleira e dar a vitória ao Brasil, por 4 a 3.

Próximos Jogos

O Brasil volta a campo neste domingo (3), às 11h, para enfrentar novamente o Japão, mas, dessa vez, no estádio do Morumbi. Já na quarta-feira (6),o rival será a Nicaragua, às 18h, na Fonte Luminosa, em Araraquara.