É o patrão! Hamilton ergue bandeira do Brasil e repete gesto de Senna
Foto: Divulgação / Mercedes

Após fim de semana conturbado e de muitas penalizações, o britânico Lewis Hamilton venceu o Grande Prêmio de São Paulo neste domingo (14), em Interlagos. Mesmo largando em 10º lugar, o piloto conseguiu assumir a vice-liderança em menos de 20 voltas, contudo, apenas na volta 59 tomou a liderança do holandês.  

Lewis Hamilton deu um verdadeiro show nesse fim de semana e levou o primeiro lugar no GP de São Paulo. Mesmo com a desclassificação na corrida Sprint do sábado, caindo 20 posições, e com a troca de motor, caindo mais 5 posições, o britânico mostra seu poder na pista de Interlagos. Em sua comemoração, o piloto homenageou o ex-piloto brasileiro, Ayrton Senna.

Mesmo tendo conseguido a pole position no sábado, Valtteri Bottas não largou bem e foi ultrapassado por Max Verstappen ainda na primeira volta, porém, segurou a posição e terminou em 3º lugar e ainda no pódio.  

Seguindo para o quarto lugar, Sergio Perez até conseguiu ficar por algum tempo entre os três primeiros, mas após uma parada no box para troca de pneus, permaneceu atrás do finlandês da Mercedes.  

O monegasto Charles Leclerc e o espanhol Carlos Sainz fizeram uma dobradinha para a Ferrari e conquistaram o quinto e sexto lugar. O espanhol que largou em terceiro lugar perdeu três posições e ainda tocou a roda com o seu ex parceiro de equipe, Lando Norris ainda na largada. Assim, a scuderia italiana aumenta a vantagem de pontos na sua principal rival, a McLaren no campeonato de construtores.

Não foi uma boa corrida para a McLaren. Norris, que largou em quinto, terminou a corrida em décimo e conquistou apenas um ponto. Seu companheiro, o australiano Daniel Ricciardo abandonou a prova na volta cinquenta e um, com uma falta de força no motor.  

A próxima etapa no campeonato mundial será o Grande Prêmio do Catar na próxima semana, dia 21 de novembro no Circuito de Losail.  

VAVEL Logo