'Matador na área' x 'jogador mais completo': Buffon analisa Cristiano Ronaldo e Messi
Messi, Buffon e Ronaldo durante cerimônia da Uefa, em Mônaco, ano passado (Foto: Daniele Badolato/Juventus FC)

Dez dias. Esse é o intervalo em que Gianluigi Buffon levará para enfrentar os dois melhores jogadores do mundo na atualidade. Nesta sexta-feira (23), às 16h45, o goleiro italiano terá Lionel Messi pela frente, em amistoso contra a Argentina no Etihad Stadium, casa do Manchester City.

Dia 3 de abril, sua Juventus medirá forças com o Real Madrid de Cristiano Ronaldo, pela abertura das quartas de final da Uefa Champions League. Em entrevista coletiva nessa quinta-feira (22), o experiente arqueiro analisou as diferenças entre os craques.

Segundo Buffon, Messi é um jogador completo, ao passo que Cristiano Ronaldo virou um atacante letal dentro da área nos últimos anos. "Eles são dois jogadores completamente diferentes", disse.

"Messi é mais completo porque começa as jogadas vindo de trás, tem mais qualidade técnica e uma visão do jogo que se parece mais com um armador do que um finalizador", opinou.

"Cristiano, talvez por ser mais velho, se tornou um matador da grande área. Comparado ao que era antes, Ronaldo preserva mais sua energia, então ele não vai mais para as beiradas do campo uma finta ou um tiro, mas com uma bola na área ele pode marcar um gol", avaliou.

Em 2017, Buffon sofreu dois gols cada de Messi e Cristiano Ronaldo. E todos eles saíram no mesmo jogos. O craque argentino marcou os tentos no primeiro jogo da fase de grupos da Uefa Champions League 2017/18, em que o Barça venceu a Juventus por 3 a 0, no Camp Nou.

Os tentos do astro português, por sua vez, foram mais valiosos: saíram na vitória por 4 a 1 do Real Madrid na final da Champions 2016/17, disputada no Millennium Stadium, em Cardiff.

Caso não haja nenhum imprevisto, Buffon será titular do gol da Itália no amistoso desta sexta-feira contra a Argentina, em Manchester. O jogo marca o retorno de 'Gigi' à meta da Azzurra. Após os italianos não conseguirem classificação à Copa do Mundo da Rússia, o arqueiro optou por anunciar aposentadoria da Nazionale; mas voltou atrás em sua decisão.

VAVEL Logo