Depois da boa temporada passada, Eintracht Frankfurt agora preocupa sua torcida
Kostic após derrota para o Schalke na Veltins Arena (Foto: Reprodução/Eintracht Frankfurt)

Aquele Eintracht Frankfurt campeão da Copa da Alemanha, finalista de Europa League e entre os sete melhores do campeonato nacional, de fato não é o mesmo. Na 13ª colocação da Bundesliga atualmente, três pontos à frente da zona de rebaixamento, o clube da região central da Alemanha tem uma realidade distinta, com um retrospecto inédito e preocupante no primeiro turno desde que retornou à divisão principal, em 2012-13.

Os 18 pontos na tabela não se tratam da temporada de menor pontuação a esta altura — a contar de quando voltou —, em contrapartida, é a de mais derrotas. Até então, a edição que se tinha um Frankfurt com mais partidas perdidas na primeira metade foi na de 2015-16, com oito, quando terminou na 14ª posição.

Neste momento, são oito partidas sem vencer no Campeonato Alemão, depois de ser derrotado para o Paderborn por 2 a 1. O último triunfo foi marcante, já que aplicou uma goleada por 5 a 1 no Bayern de Munique e ainda derrubou o treinador Nico Kovac.

O que mudou de uma temporada para a outra?

A realidade de nove derrotas em dezessete jogos pode ser ilustrada nas modificações tidas no elenco da equipe. O clube que, na última de temporada, chamou a atenção de toda a Europa após brilhantes aparições e título de Copa, não conta mais com os protagonistas de tais êxitos.

Luka Jovic, Sebestian Haller, Ante Rebic e Filip Kostic, formaram um quarteto que abrilhantou os gramados por onde jogaram. Pelo Campeonato Alemão, quando a equipe terminou em sétimo, eles foram responsáveis por 47 dos 60 gols marcados no torneio, representando 78,3% do total.

Foto: Divulgação/Eintracht Frankfurt
Jovic, Haller e Rebic (Foto: Divulgação/Eintracht Frankfurt)

Destes, apenas Kostic permaneceu no clube para 2019-20. Jovic, Haller e Rebic foram negociados junto a Real Madrid, West Ham e Milan, respectivamente. A fim de suprir as graves ausências, o clube contratou Bas Dost e André Silva, que já marcaram sete vezes, distante do que foram os ex-atletas do Frankfurt.

Agora, com todo o segundo turno da Bundesliga pela frente, resta aguardar para saber qual será o desfecho desta temporada decepcionante dos frankfurtianos.

MEDIA: 4VOTES: 1
VAVEL Logo