Apesar da classificação, Luis Enrique critica rendimento da Espanha: "Nada a comemorar"
Foto: Divulgacão / RFEF

Na tarde desta quinta-feira (1°), a Espanha foi derrotada pelo Japão, pela última rodada da fase de grupos da Copa do Mundo no Catar. Mesmo com a classificação às oitavas de final, não tivemos um Luis Enrique descontraído na coletiva pós-jogo, como vemos de costume em suas lives que tem feito durante o Mundial. 

A cara fechada tomou conta de Luis Enrique, as respostas para os jornalistas foram em tons ríspidos e duros, irritado, o técnico sintetizou "Nada a comemorar", após ter garantido a vaga na próxima fase graças à vitória da Alemanha sobre a Costa Rica.

“O Japão fez os gols, superou a nossa defesa. Tivemos chances com Dani Olmo e Marco (Asensio). Não tenho queixas, é o futebol. Houve um colapso. Tentamos controlar a partida de alguma maneira. O futebol é muitas vezes inexplicável”, afirmou Luis.

“Não é momento para celebrar nada. Irei rever a partida amanhã. Temos que pensar que estamos classificados nas oitavas, é o objetivo. O meu trabalho é levantar os ânimos dos jogadores. Corrigir o que fizemos de errado”, completou o treinador. 
 

Foto: Divulgação / RFEF
Foto: Divulgação / RFEF

A última rodada do grupo E da Copa foi bastante movimentada. A Espanha que tinha vencido a Costa Rica por 7 a 0, e empatado em 1 a 1 com a Alemanha, precisava apenas do empate para ser líder da chave. A Roja abriu o placar com Morata, mas, no segundo tempo, sucumbiu e tomou a virada para seleção japonesa.

Em certo momento, os espanhóis chegaram a estar fora da zona de classificação às oitavas de final do Mundial, quando a Costa Rica virou pra cima da Alemanha: 2 a 1. Porém, a seleção alemã reagiu e fez 4 a 2. Com este resultado, os alemães empataram em pontos com os espanhóis, mas perderam no saldo, já que a equipe de Luis Enrique goleou os costa-riquenhos com uma larga vantagem na primeira rodada. 

O treinador se mostrou até surpreso na coletiva ao ser informado desse cenário onde Espanha e Alemanha estavam sendo eliminado, isto durou cerca de 12 minutos. Luis disse que não sabia que correu tal risco. "Estava totalmente focado na nossa partida, queríamos vencer todos os jogos".

Polêmico gol japonês

No segundo gol japonês marcado por Tanaka. A bola cruzou a área da Espanha, porém, parecia ter saído pela linha de fundo. O VAR checou o lance e confirmou o gol. Luis Enrique disse que recebeu um frame do lance, mas discordou com a marcação e atacou. “Só pode ser uma foto manipulada”.

Foto: Divulgação / AFJ
Foto: Divulgação / AFJ


Nas oitavas de final, a Espanha irá enfrentar o Marrocos, líder do grupo F. Luis Enrique não ficou feliz com o resultado, mas talvez o torcedor espanhol  veja o lado positivo de ser segundo no grupo. Além de eliminar uma forte concorrente: Alemanha, os espanhóis não irão cruzar com o Brasil, caso os brasileiros confirme a primeira colocação do grupo, nas quartas de final.

VAVEL Logo