Del Valle empata com Corinthians e está na final da Sul-Americana
Foto: Reprodução/Conmebol

Após perder a partida de ida por 2 a 0, o Corinthians foi ao Equador encarar o Independiente del Vale, no Estádio Olímpico Atahualpa. Mesmo com mudanças na escalação e jogando melhor, o time alvinegro conseguiu apenas um empate por 2 a 2 com os donos da casa, que estão classificados para a final da Copa Sul-Americana.

Agora, os equatorianos esperam o jogo entre Atlético-MG e Colón, para conhecerem seu adversário na grande decisão, que acontecerá no Paraguai, no dia 9 de novembro, em partida única. Com o resultado, o del Valle soma agora 22 jogos sem derrotas como mandante em competições da Conmembol

Corinthians marca em primeiro tempo movimentado

O jogo começou da mesma maneira que a partida anterior. O del Valle apresentou a mesma qualidade na saída de jogo, teve mais a posse de bola, com muitos toques de pé em pé, e aproveitou a qualidade do goleiro Pinos para jogar com os pés. 

Já o Corinthians, apesar das mudanças na escalação, começou com dificuldades em marcar a saída de jogo adversária. E quando tinha a bola, apostou nos lançamentos longos, mas sem precisão. 

Porém, aos 12 minutos, a situação começou a mudar. O del Valle saiu jogando errado e a bola ficou com Pedrinho, que arriscou bom chute de fora da área, mas a bola subiu e foi para fora. 

Os equatorianos responderam logo na sequência. Mera bateu escanteio curto para Dajome. O atacante limpou dois marcadores e bateu de esquerda, mas a bola saiu fraca e também foi para fora. 

Aos 25 minutos, o Corinthians teve uma grande chance de abrir o placar. Em cobrança de falta, Sornoza encontrou Danilo Avelar na área. O lateral acertou uma bela cabeçada e Pinos pegou no susto, praticamente sem ver a bola. Na sequência, nenhum jogador alvinegro conseguiu pegar o rebote e a bola ficou com os equatorianos. 

O Corinthians cresceu e dois minutos mais tarde o gol apareceu. Ralf conseguiu uma belíssima roubada de bola no meio-campo, armando o contra-ataque para os paulistas. Pedrinho saiu em velocidade e abriu com Vágner Love. O atacante entrou na área e encontrou Boselli livre, sem marcação, que só teve o trabalho de empurrar para o fundo do gol. Corinthians 1x0

O clube paulista então passou a pressionar bastante. Mas, aos 39 minutos, o del Valle respondeu. Após cruzamento da direita, Sanchez ganhou de Fágner e cabeceou para o gol, para ótima defesa de Cássio

Na sequência, em mais uma roubada de bola de RalfVágner Love puxou novo contra-ataque. O atacante passou por dois marcadores e bateu colocado, de fora área. A bola bateu caprichosamente no travessão e ficou com Pedrinho, que tocou de calcanhar para Ramiro. O meia entrou na área, bateu cruzado e Vagner Love se jogou de carrinho, mas não alcançou a bola.

Por pouco o Corinthians não conseguiu o segundo gol ainda no primeiro tempo.

Gols para os dois lados e classificação equatoriana

As equipes voltaram do vestiário sem alterações. O Corinthians buscou ficar mais com a posse de bola, mas quem criou primeiro foi o del Valle.  

Aos 11 minutos, Franco recebeu a bola e achou Gabriel Torres dentro da área, sem marcação. Mas o atacante bateu para fora, desperdiçando uma boa chance. E logo na sequência o Corinthians levou mais um susto. Dajome recebeu na direita, driblou Danilo Avelar e bateu por cima do gol. 

Dez minutos mais tarde o Corinthians tentou responder. Pedrinho fez jogada individual pela direita e cruzou na área. Pinos tentou defender e saiu mal do gol. A bola ficou quicando na área, mas ninguém conseguiu pegar o rebote. Na sequência, os donos da casa saíram em contra-ataque.  

A bola ficou com Sanchez, na esquerda. Manoel saiu para dar o bote e perdeu a dividida. Então, o atacante equatoriano ficou sozinho, com o campo livre para avançar, bater na saída de Cássio e igualar o placar.  

Foto: Reprodução/Conmebol
Foto: Reprodução/Conmebol

Com isso, o Corinthians se lançou ao ataque para tentar uma reação. Aos 36 minutos Vagner Love abriu na esquerda com Danilo Avelar. O lateral limpou a marcação e foi derrubado dentro da área. Inicialmente, o juiz não marcou a penalidade, mas foi alertado pelo VAR, reviu o lance e enfim marcou a infração. Na cobrança, Clayson marcou o segundo gol do Corinthians.  

Ainda precisando de mais um gol, o time paulista seguiu atacando, e consequentemente, deixou espaço para os contra-ataques do del Valle. Até que aos 41 minutos Mera avançou pela direita e cruzou para Cabeza. O atacante, que havia acabado de entrar, acertou um belo chute de primeira e novamente empatou o placar, dando números finais à partida. Independiente del Valle e Corinthians no 2 a 2

MEDIA: 5VOTES: 15
VAVEL Logo