Flamengo sai na frente, vê Bragantino empatar e perde chance de dormir na liderança do Brasileirão
Foto: Ari Ferreira/Divulgação/Red Bull Bragantino

Na noite do último domingo (7), o Bragantino recebeu o Flamengo no Nabi Abi Chedid, em um jogo válido pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. E o jogo acabou em 1 a 1, frustrando os planos do Flamengo de se tornar líder do Brasileirão. Gabigol, de pênalti, abriu o placar para o Flamengo, mas Ytalo conseguiu buscar o empate para o Bragantino.

Estratégias

Mauricio Barbieri, enfrentando sua ex-equipe, entrou com uma linha de defesa com quatro jogadores já conhecida: Aderlan, Léo Ortiz, Ligger e Edimar. No meio de campo Raul fazia a contenção, com Ryller e Claudinho na frente. O ataque apostava na velocidade, tendo um trio de ataque na frente com Helinho, Artur e Ytalo.

Já o Flamengo entrou como de costume por Rogério Ceni. A linha de defesa tinha Isla, Arão mais uma vez de zagueiro, Gustavo Henrique e Filipe Luís. No meio de campo a novidade era o meio campista João Gomes, com Gerson, Everton Ribeiro e Arrascaeta. No ataque estavam Bruno Henrique e Gabigol.

Liderança se vai pelas mãos

A primeira grande chance do Bragantino foi aos 13 minutos, quando Artur recebeu na direita, levou pro meio e bateu forte, para uma ótima defesa de Hugo. No escanteio batido Ytalo desviou na primeira trave e mandou por cima do gol.

Já a primeira chance do Flamengo foi em uma pressão, onde Arrascaeta recebeu no meio, tirou a marcação e bateu pra fora pelo lado direito de Cleiton. Aos 25 o Flamengo chegou pela direita, com Isla, que cruzou na cabeça de Everton Ribeiro, que cabeceou para fora pelo lado esquerdo de Cleiton.

Com 28 minutos, em um erro de Léo Ortiz, Everton Ribiero colocou pro meio onde Gustavo Henrique desviou e viu Cleiton espalmar para escanteio, salvando o Braga!

No lance seguinte Gustavo Henrique teve a camisa segurada por Ryller. Wilton foi para o VAR e deu a penalidade máxima! Gabigol foi para a bola com toda calma do mundo e apenas rolou no canto direito de Cleiton, que saiu para o esquerdo!

A resposta veio aos 36, em uma falta de Claudinho, que teve um desvio de Ytalo na primeira trave, direto para fora, mas com perigo! Quatro minutos depois Bruno Henrique foi lançado, tirou a marcação, ia tirando o goleiro, mas Cleiton se recuperou e ficou com a bola.

O Flamengo viu um Bragantino pressionar e tentar jogar, mantendo 51% de posse contra 49% do Braga. Nas finalizações o Fla chegou mais, com 10 chutes e três no gol, contra seis do Bragantino, que acertou apenas dois.

A primeira jogada de perigo da segunda etapa foi justamente o gol do Bragantino! Isla deixou a bola pingar no chutão, Helinho chegou e cruzou pro meio, para Ytalo bater e mandar para o fundo das redes!

Aos 28 o Flamengo chegou pela esquerda com Bruno Henrique, que tentou cruzar, a defesa tirou e no rebote ele mandou por cima do gol. Um minuto depois Gabigol ficou com a bola no meio e bateu forte de fora da área, mas Cleiton espalmou, salvando o Bragantino! Aos 33 Claudinho bateu de fora da área, mas nas mãos de Hugo.

Com 50 minutos do segundo tempo, em uma jogada com Matheuzinho pela direita, Pedro bateu e o goleiro Cleiton pegou. O rebote a defesa tirou em dois tempos para longe!

O jogo foi igual entre Braga e Flamengo. Na posse o Flamengo somou 54%, contra 46% do Bragantino. O Flamengo finalizou 16 vezes, acertando sete delas, contra 12 do Bragantino, que acertou cinco delas.

Próximos jogos e classificação

O Bragantino volta a campo na segunda-feira (15), às 20h, quando viaja para encarar o Sport. Já o Flamengo encara o Corinthians às 16h do domingo (14), no Maracanã.

Standings provided by SofaScore LiveScore
VAVEL Logo