Estreante, Roger explica atuação ruim em vitória no Fla-Flu: "Não encaixamos a marcação"
Foto: Mailson Santana/FFC

Estreando como treinador do Fluminense na noite deste domingo (14), Roger Machado viu seus comandados jogarem mal, mas vencerem o Flamengo por 1 a 0 no Maracanã pelo Campeonato Carioca. Em entrevista coletiva após a partida, o treinador reconheceu que a tática escolhida para a partida não funcionou como o esperado, apesar dos três pontos conquistados.

"Eu optei como estratégia nesse jogo buscar uma equipe equilibrada, mas que pudesse ter velocidade nos contra-ataques. O fato de a gente não ter conseguido, sobretudo no primeiro tempo, encaixar o timing de marcação nas amplitudes do Flamengo, que é um time muito bem treinado, fez com que a gente, quando retomasse a bola, não conseguisse conectar os nossos jogadores de velocidade mais à frente, com a  figura do Ganso fazendo essa conexão com nossos atacantes", reconheceu o treinador.

Apesar de o rival estar atuando com muitos garotos das categorias de base, o Fluminense - que também não contou com seus principais atletas - não conseguiu sobressair e foi pressionado na maior parte do jogo. O gol só veio em jogada individual de Igor Julião, que marcou com um petardo na direção da rede defendida por Gabriel Batista.

"Sofremos com o volume de jogo do Flamengo, mas conseguimos dentro da área, defender bem a nossa meta. Então, claro, uma equipe que, muito embora seja mais experiente, com jogadores que tem mais rodagem, mais minutagem em campo, também precisa de entrosamento para que consiga render bem. Apesar do time mais experiente, nós tivemos quatro dias de treinamento para colocar em prática em um jogo contra uma equipe mais jovem, é verdade, mas muito bem treinada, com seus mecanismos já muito bem estabelecidos", defendeu Roger.

"No futebol, a gente sabe que não existe resultado injusto. Vence aquele que consegue, dentro dos 90 minutos, finalizar as oportunidades que criou. E a gente que finalizou, com um belo chute de longa distância do Igor, em uma posição que ele também consegue fazer mais à frente", acrescentou.

O triunfo sobre o Flamengo manteve a escrita de Roger de nunca ter perdido em sua estreia no comando de um time. O treinador valorizou o resultado positivo pensando na sequência do trabalho no Tricolor.

"Foi importante vencer na estreia. Jogo tenso também para o treinador, que está chegando e fazendo suas observações, para que a gente consiga ajustar essas questões todas para o andamento do campeonato."

A vitória no clássico foi a primeira do Fluminense no Campeonato Carioca, depois de tropeços contra Resende e Portuguesa. O resultado deixa o time na oitava colocação do torneio, com 3 pontos conquistados. Na coletiva, Roger Machado negou que o Estadual seja apenas um espaço de testes para o time.

"Eu vejo o Carioca como um importante estágio para as competições que a gente tem no ano, e a mais imediata delas é a Libertadores", disse o estreante da noite.

"Não é um laboratório pra mim, é um campo de observação. Todas as observações feitas no dia do jogo, nos treinamentos, vão me ajudar a tomar algumas definições em relação à elenco."

Na quarta-feira, os jogadores do Fluminense se reapresentam no CT Carlos Castilho, incluindo os principais atletas, que ganharam folga depois do Brasileirão. O Tricolor volta a campo no próximo sábado (20), às 21h05, em partida contra o Bangu no Maracanã.

VAVEL Logo