Náutico recebe Londrina em duelo dos desesperados na Série B
Foto: Ricardo Chicarelli/Londrina EC

Náutico e Londrina vivem momentos difíceis na Série B do Campeonato Brasileiro. Nesta terça-feira, às 21h30, as duas equipes se enfrentam no estádio dos Aflitos, em Recife, pela 25ª rodada da competição, com o mesmo objetivo: reencontrar o caminhos das vitórias.

Na última rodada, o Náutico perdeu para o Botafogo fora de casa, enquanto o Londrina foi superado pelo CSA no estádio do Café. As duas equipes acumulam sequências negativas nos últimos jogos.

Classificação

Timbu e Tubarão estão distantes. A equipe alvirrubra ocupa a oitava colocação e soma 35 pontos, seis a menos que o CRB, que fecha o G-4. O time paranaense, por sua vez, é o 18º colocado com 21 pontos. A diferença para o Vila Nova, primeira equipe fora da zona de rebaixamento, é de cinco pontos.

Outra chance de mudar

A situação do Náutico é muito delicada. Com apenas uma vitória nos últimos onze jogos, o time do técnico Marcelo Chamusca vive seu pior momento na temporada. A queda de rendimento não só tirou o Timbu do G-4, como também fez a equipe alvirrubra passar a vê-lo distante. Contra o Londrina, terá mais uma oportunidade de voltar a vencer. Suspenso contra o Botafogo, Rhaldney volta e deve ser titular.

Foto: Tiago Caldas/Náutico
Foto: Tiago Caldas/Náutico

Entretanto, Chamusca não poderá contar com o atacante Iago Dias, diagnosticado com lesão de grau 1 na parte posterior coxa. Além dele, Caio Dantas, que ainda se recupera de um problema muscular, segue sendo desfalque. Matheus Trindade, que deixou o campo com dores na última partida, treinou normalmente e está à disposição do treinador.

Provável escalação: Alex Alves; Hereda, Rafael Ribeiro, Camutanga e Bryan; Rhaldney, Djavan e Jean Carlos; Luiz Henrique (Murillo), Vinícius e Paiva (Álvaro).

Tubarão em apuros

Sem vencer há cinco partidas e com três derrotas consecutivas, o Londrina desembarca na capital pernambucana com o objetivo de somar pontos que ajudem na briga contra o rebaixamento. A missão é difícil, mas a equipe do técnico Márcio Fernandes mantém o pensamento positivo.

O treinador deve promover três mudanças no time titular. O zagueiro Saimon e o meio-campista Celsinho vão começar no banco de reservas por questões técnicas. Na defesa, Lucas Costa e Marcondes brigam pela vaga, enquanto Matheus Bianqui deve ser o meia do Tubarão contra o Timbu. Suspenso, Gegê é desfalque, enquanto Marcelinho, que cumpriu suspensão na última partida, volta a equipe.

Provável escalação: Dalton; Elacio Cordoba, Marcão, Lucas Costa (Marcondes) e Felipe Vieira; Tárik (Pedro Cacho), Jhonny Lucas e Matheus Bianqui; Marcelinho, Júnior Pirambu e Gabriel Ramos (Luiz Henrique).

Arbitragem

Alisson Sidnei Furtado será o árbitro da partida, e terá Fábio Pereira e Cipriano da Silva Sousa como assistentes. O trio é do Tocantins. O VAR ficará sob o comando de Jean Pierre Gonçalves Lima (RS).

VAVEL Logo