Chamusca valoriza resultado e critica arbitragem: "Extremamente rigoroso"
Foto: Reprodução/Náutico

Neste sábado (4), o Náutico empatou com o Guarani por 1 a 1, nos Aflitos, pela 22ª rodada do Brasileirão Série B. Na tabela, o Timbu está na quinta colocação e soma 35 pontos, três a menos que o quarto colocado, Botafogo, com 38 pontos.

Chamusca valoriza resultado

Após a partida, o técnico Marcelo Chamusca aprovou o desempenho do Náutico, mas não deixou de criticar a arbitragem do confronto e questionou a expulsão do atacante Iago Dias.

"Eu conversei com o atleta e também com os que estavam no campo, porque o lance foi do lado contrário ao banco. Se tivesse sido no lado do banco, teria acontecido na minha frente e ficaria muito mais fácil para fazer a leitura. Pelos relatos, acho que o árbitro foi muito rigoroso e não sei porque ele teve essa atitude, até porque a reclamação do atleta não foi direcionada ao árbitro".

Chamusca pede para que o resultado seja valorizado, apesar de concordar que o empate dentro de casa sejam ruim para o Náutico durante a competição.

"Empatar jogando em casa, não vamos nunca falar que foi um bom resultado. O melhor resultado é vencer, sempre, ainda mais em um campeonato de pontos corridos, em que os três pontos tem peso muito grande na tabela. As circunstâncias do jogo fizeram com que a gente tenha que valorizar o ponto que conquistamos. Jogamos quase 60 minutos com um jogador a menos, contra um time que tem um dos melhores ataques da competição. É para louvar e valorizar a superação e a entrega dos atletas".

Por fim, Chamusca relembra a expulsão de Vinícius na partida contra o Vitória, compara com Iago Dias e afirma que nas duas oportunidades, os jogadores não mereceram.

"Semana passada nós também fomos prejudicados, com a expulsão do Vinícius, que também foi uma aberração. Como é que você expulsa um jogador, numa condição daquela, dando o cartão vermelho direto? São algumas decisões que tem nos atrapalhado. Perdemos o Vinícius para um jogo muito importante, jogamos 60 minutos com um jogador a menos. Acho que quando um atleta comete um erro, e sou firme em relação a isso, mas essas duas expulsões, com todo o respeito, nenhuma das duas foram merecidas. Essa é a minha opinião, com base nos relatos do elenco e também pelo comportamento do árbitro, que já é bem conhecido por fazer lambança em vários jogos do campeonato", concluiu Chamusca.

VAVEL Logo