Na noite desta quarta-feira (25), o São Paulo foi humilhado pelo rival Palmeiras no Allianz Parque. A equipe tricolor foi goleada por 5 a 0, em jogo válido pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Jogando fora de casa, o Tricolor precisava da vitória para se afastar de uma zona incômoda na tabela. No entanto, a atuação foi definida como vergonhosa pelo técnico Dorival Júnior.

"Foi comportamental de todos nós, isso inclui todos que fazem parte do nosso grupo de trabalho. Acho que é uma responsabilidade que tem que ser dividida. Consequências têm que existir, mas temos que manter o equilíbrio. Vamos saber dividir o que está acontecendo. Há três dias, tivemos uma atuação excelente no Morumbi. Amanhã, voltamos ao trabalho. É vergonhoso? Sim, é. Não é digno de uma equipe como a nossa. Eu assumo a responsabilidade."

O comandante, ao mesmo tempo, também quis mostrar que o resultado não gera uma crise no clube, que há um mês se sagrou campeão inédito da Copa do Brasil.

"Até esse desastre de hoje, tínhamos conquistado três vitórias, um empate e uma derrota (após o título). Consegui motivar nos momentos anteriores, hoje foi totalmente diferente. A grande verdade é que o Palmeiras entrou para decidir. O São Paulo entrou apenas para jogar. Não podemos tirar os méritos de uma vitória que o Palmeiras construiu. Não tivemos um destaque sequer na partida. Quando isso acontece, algo está errado, e o treinador é o responsável."

"É uma situação que nos incomoda; estamos trabalhando com muita força para reverter esse quadro. Não tivemos a mesma força que encontramos dentro do nosso campo para vencer os adversários. Precisamos estar mais atentos a tudo isso", finalizou Dorival.

  • Como ficou e próximo jogo

O São Paulo se manteve com 38 pontos, permanecendo na 10ª colocação. No próximo domingo, enfrentará o Athletico, novamente como visitante, válido pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro.