Chiefs abre vantagem na primeira etapa, bate Raiders e assume liderança da AFC West
Foto: Divulgação/Kansas City Chiefs

Abrindo a semana 14 da NFL, o Thursday Night Football trouxe mais um clássico de divisão para a noite desta quinta-feira (8). Rivais da AFC West, o Kansas City Chiefs recebeu no Arrowhead o Oakland Raiders no Missouri. As duas equipes estão com campanhas positivias e terminariam nos playoffs caso a competição se encerrasse hoje.

Valendo do mando de campo, onde tem desempenho acima da média, os Chiefs venceram os rivais por 21 a 13, e chegaram a 10° vitória na temporada. As duas equipes estão com 10-3 em 2016 mas os Chiefs liderama  divisão por ter a melhor campanha dentro da dividsão (4 a 0 contra 2-2 dos Raiders). Apesar de sair atrás no placar, Kansas City aotou três touchdowns no segundo tempo. O time ainda correu riscos com dois turnovers no segundo tempo, mas Oakland não aproveitou a situação.

Alex Smith foi menos conservador que em outras oportunidades. Mesmo com uma interceptação, o camisa 1 de Kansas City acertou 17 de 26 passes para 264 jardas e um tochdown. Travis Kelce teve cinco recepções para 101 jardas. Derek Carr no entanto teve um jogo abaixo do esperado. O QB dos Raiders acertou apenas 17 de 41 passes para 117 jardas e nenhum TD.

As duas equipes voltama  campo na semana 15 apenas no domingo (15). Novamente em casa, os Chiefs recebem o Tennessee Titans às 16h. Em um dos jogos das 19h30, os Raiders continuam na Califórnia, enfrentando o rival de divisão San Diego Chargers fora de casa. Ambos os horários de acordo com a hora de Brasília.

Alex Smith domina e põe Chiefs em vantagem

O time visitante começou com a bola, porém o time de Jack Del Rio não avançou. Mas o melhor esteve por vir. Após o chute de retorno, o calouro Tyreek Hill não segurou a bola, sendo recuperada por Oakland, tudo isso nos cinco primeiros minutos do jogo. Os Raiders, já no campo de ataque, correram o risco de sofrer o seu primeiro turnover no jogo, mas os juízes reverteram a marcação de fumble recuperado pelo cornerback Marcus Peters. O time não mais avançou, deixando Sebastian Janikowski com field goal correto de 44 jardas, abrindo 3 a 0 no Arrowhead.

Alex Smith entrou em campo pela primeira vez no jogo. Apesar de conectar uma big play para o wide receiver Chris Conley, o time perdu a posse de bola após não converter uma quarta descida. Depois do momento, Raiders e Chiefs trocama posses de bola sem nenhum sucesso no ataque. De volta, Smith conduziu o time para o touchdown. O quarterback envolvou os dois principais recebedores do time na campanha: Jeremy Maclin e Travis Kelce. Os sete pontos vieram em mais uma jogada longa do camisa 11, que lançou 34 jardas para dentro da endzone, o wide receiver Tyreek Hill se redimiu do fumble no início do jogo e encaixou o passe, colocando Kansas City na frente com 7 a 3.

Com mais um punt do Oakland Raiders, o ataque dos Chiefs deu seu show. Smith, ainda no campo de defesa, acionou Travis Kelce para mais um firt down. Em seguida, chegou a redzone após passes acerados para Tyreek Hill e Chrisn Conley. Faltando três jardas para o limite do campo, o running back Charcandrick West. Tyreek Hill esqueceu de vez o erro no único turnover do jogo. Após outro chute de retorno de Marquette King, o calouro pegou a bola e retornou para 76 jardas, anotando o terceiro touchdown dos Chiefs no jogo. O jogo estava 21 a 3 para o time da casa.

Na reta final do segundo quarto, os Raiders produziram sua melhor campanha no ataque. O time começou da linha de oito jardas do campo de defesa. Derek Carr foi mais eficiente e achou passes para Amari Cooper e Clive Walford. Contando com falta contra a defesa de Kansas City, o running back Latavius Murray recebeu handoff na linha de uma jarda, entrando na endzone e marcando o primeiro TD de Oakland no jogo.

Defesas aparecem e Chiefs mantém resultado

Smith começou o segundo tempo sendo interceptado pelo cornerback TJ Carrie. Oakland não aproveitou a posição de campo, ficando com o field goal de 33 jardas de Janikowski. Khalil Mack candidato a melhor jogador de defesa 2016, apareceu no jogo. O linebacker forçou o fumble em Alex Smith e seu time tomou a bola. Novamente, o ataque visitante não produziu. Mas o punter Marquette King não segurou a bola do long snapper para o chute do kicker, sendo obrigado a correr e não avançou as jardas restantes. O ataque saiu do campo sem anotar pontos.

O ataque de Oakland permaneceu anêmico. A defesa dos Chiefs, mesmo sem Derrick Johnson que saiu machucado, seguiu parando um dos melhores sistemas ofensivos de 2016. No ataque, Alex Smith eatava próximo de sofrer com um safety, mas conectou lançamento nas mãos do tight end Travis Kelce. Apesar da boa jogada de seu quarterback, o ataque anfitrião parou no esquema defensivo de Oakland.

Derek Carr veio a campo com um curativo no da mão direita após lesão na região na semana passada. Até o momento, o jogador completou apenas 14 de 34 passes e 95 jardas. Já a sua defesa voltou a jogar bem, permitindo quatro first downs dos Chiefs no segundo tempo inteiro.

Na reta final do jogo, os Raiders estavam no ataque. No campo de ataque, Derek Carr convertou uma quarta descida depois de passe para o recebedor Seth Roberts. Antes do two minuting warning, a descida não foi obtida com sucesso. Kansas City volta ao ataque onde a jogada parou anteriormente. Os donos da casa administraram o placar e relógio para vencer mais um duelo sobre os Raiders em 2016.

Jogos da semana 14 da NFL:

Domingo (11)
16h

Cleveland Browns x Cincinnati Bengals
Buffalo Bills x Pittsburgh Steelers
Detroit Lions x Chicago Bears
Carolina Panthers x San Diego Chargers
Miami Dolphins x Arizona Cardinals
Indianapolis Colts x Houston Texans
Philadelphia Eagles x Washington Redskins
Jacksonville Jaguars x Minnessota Vikings
Tennessee Titans x Denver Broncos

19h30
Los Angeles Rams x Atlanta Falcons
San Francisco 49ers x New York Jets
Tampa Bay Buccaneers x New Orleans Saints
Green Bay Packers x Seattle Seahawks

23h30
New York Giants x Dallas Cowboys

Segunda-feira (12)
23h30

New England Patriots x Baltimore Ravens

VAVEL Logo