Nadal bate Marterer no Aberto da França e conquista 900ª vitória na carreira

Tenista espanhol venceu o alemão por três sets a zero com parciais de 6/3, 6/2 e 7/6(4), e assegurou sua vaga nas quartas de Roland Garros

Nadal bate Marterer no Aberto da França e conquista 900ª vitória na carreira
Foto: Jean Catuffe/Getty Images
#1 Rafael Nadal
3 0
#70 Maximilian Marterer

Essa segunda-feira (4), foi um dia especial para Rafael Nadal. O espanhol conquistou a sua vitória de número 900 no circuito profissional contra o jovem alemão de 22 anos, Maximilian Marterer, por três sets zero, com parciais de 6/3, 6/2 e 7/6(4), em 2h30 de partida, nas oitavas de final do Aberto da França.

Com a vitória sobre o 70° do ranking da ATP, o atual número um do mundo carimbou sua passagem para a fase de quartas de final de Roland Garros. Seu próximo adversário será o argentino Diego Schwartzman, 12° do mundo, que bateu o sul-africano #7 Kevin Anderson por três sets a dois, de virada, com parciais de 1/6, 2/6, 7/5, 7/6 e 6/2.

No confronto direto, a vantagem é de Nadal, que venceu todos os cinco jogos que disputou contra o argentino. A partida mais recente foi nas oitavas de final do Masters 1000 de Madri esse ano, quando o espanhol venceu em sets diretos com parciais de 6/3 e 6/4.

Após o jogo, Nadal falou da dificuldade no terceiro set, e ainda elogiou o rival, desejando sorte para ele na carreira. "O terceiro set foi muito difícil. (Marterer) é um bom jogador, e jovem. Desejo o melhor para ele no futuro", disse o espanhol.

O jogo

Quem começou o duelo surpreendendo foi Marterer, que logo no primeiro game conseguiu quebrar o saque do número um do mundo. Porém a alegria durou pouco, e logo mais o espanhol devolveu a quebra igualando o jogo em 2/2. Nadal começou a crescer no jogo e conquistou outra quebra para poder fechar a parcial em 6/3.

O segundo set foi ainda mais fácil para o maior campeão de Roland Garros. O espanhol quebrou duas vezes o alemão, que não conseguiu ameaçar seu saque, e assim fechou em 6/2 abrindo 2 a 0 no jogo.

Marterer tentou se animar na terceira parcial e conseguiu a quebra, abrindo 3/1. Mas a reação parou por ai, já que logo em seguida Nadal devolveu a quebra e por pouco não conseguiu outra, mas acabou perdendo o break point e o set foi para o tie break. O espanhol cresceu mais uma vez na hora certa, e sacando muito  bem venceu o tie break por 7-4, e assim fechou o jogo em três sets a zero.