Real Madrid supera Celta de Vigo e assume liderança do Campeonato Espanhol
Keylor Nvas foi o maior destaque do jogo, realizando grandes defesas (Foto: Divulgação/Real Madrid)

Em jogo válido pela nona rodada do Campeonato Espanhol, o Real Madrid foi até Vigo enfrentar a equipe local, o Celta, nesse sábado (24), passou por alguma dificuldade apesar de um jogador a mais durante boa parte do duelo, porém saiu com a vitoria pelo placar de 3 a 1, gols de Cristiano Ronaldo, Danilo e Marcelo; Nolito diminuiu para os donos da casa.

Com a derrota, o Celta perde a liderança para o mesmo Real Madrid e fica na segunda colocação - ainda podendo ser ultrapassado por Barcelona, Villarreal e Atlético de Madrid, que ainda jogam pelo rodada - com 18 pontos ganhos. Na próxima rodada vai até o Estádio Anoeta enfrentar o Real Sociedad, no sábado (31) às 19h05.

Os merengues se isolam na liderança, porém ainda pode ser ultrapassado pelo arquirrival Barcelona, que têm chances chegar aos mesmos 21 pontos do clube da capital, porém com uma vitoria a mais. O Real Madrid enfrenta o Las Palmas pela próxima rodada no Santiago Bernábeu, sábado (31) às 13h.

Blancos abrem boa vantagem na primeira etapa mas Keylor Navas é o grande destaque

Único time invicto no Campeonato e em confronto direto pela liderança, o Real Madrid começou o jogo indo pra cima e não demorou para abrir o placar. Aos oito, Cristiano Ronaldo tabelou com Lucas Vázquez, recebendo passe atrás do seu corpo, mas correndo e chutando com força, mesmo sem equilíbrio. Um gol digno de melhor do mundo, 1 a 0.

Porém após o gol, o Celta acordou. Aos nove, Nolito perdeu uma boa chance, chutando colocado por cima do gol defendido por Keylor Navas. E a partir dai, o goleiro costariquenho começou seu show particular, mostrando que é um goleiro digno de vestir a camisa de um grande clube. Primeiro aos 18, após bola alta, Hernández tocou para trás de cabeça, Orellana acabou não conseguindo cabecear com força, e Navas segurou com autoridade.

No minuto seguinte, defesa de DVD. A bola sobrou para Orellana na grande área que soltou a bomba de perna esquerda e o camisa um madridista voou para fazer uma linda defesa. Apesar de estar melhor em suas decidas para o ataque, o adversário do Celta tinha do outro lado um dos melhores contra-ataques do mundo e contra o Real Madrid, não há chance para erros.

Aos 23, Jesé encontrou Danilo livre na direita. Ele dominou, ajeitou o corpo e com categoria colocou a bola no canto esquerdo de Sergio Álvarez, fazendo 2 a 0 para o Real Madrid. Foi o primeiro gol do brasileiro com a camisa merengue. Aos 32, Wass cobrou linda falta e Navas fez outra boa defesa.

Aos 39 e 42, com chute queima-roupa de Iago Aspas e em bola desviada de cabeça por Hernandez, respectivamente, o costariquenho fez mais dois milagres, fechando o gol e o primeiro tempo.

Celta fica com um homem a menos, quase chega ao empate mas toma banho de água fria

Com uma vantagem de 2 a 0 no placar, os merengues vieram a campo mais relaxados e tentando segurar o resultado, apostando apenas nos contra-ataques e esse foi o cenário perfeito para o crescimento do Celta na partida. Já no primeiro minuto, Orellana chutou colocado no canto esquerdo de Navas que tirou apenas olhou a bola tirar tinta da trave. No minuto seguinte, após boa jogada individual, Vázquez sai na cara do gol mas tenta cavar por cima de Álvarez, que defende com facilidade.

Aos 10, Orellana perdeu ótima oportunidade, após passe milimétrico de Nolito, chutando mal demais. O chileno estava com ótima visão do gol. E aos 11, o lance polêmico da partida. Hernandez puxou Sérgio Ramos no contra-ataque e tomou amarelo. Reclamando da marcação da falta, o zagueiro Cabral que ja havia tomado cartão amarelo no primeiro tempo, recebeu o segundo e foi para o chuveiro mais cedo.

O jogo ficou quente, com vários cartões amarelos distribuidos por faltas violentas e discussões em campo. Aos 23, quase o terceiro do merengue. Isco chutou de fora da área, Álvarez desviou e a bola ainda tocou no travessão. A partida era favoravel para o Real, já que vencia por dois gols de diferença e contava com um jogador a mais. Porém o Celta é um time copeiro, muito copeiro.

No minuto 26, Nolito recebeu na grande área, cortando Sergio Ramos e Cheryshev e vencendo Navas. Mas Marcelo aparece e afasta gol certo do Celta. O Celta era melhor no jogo e merecia ao menos um gol. E aos 40, o prêmio. Nolito gingou na frente de Nacho e soltou o pé no ângulo esquerdo de Navas, que dessa vez nada pode fazer, 2 a 1 Celta. E o empate não chegou a pouco no minuto seguinte. Nolito fez boa jogada e achou Guidetti, que chutou de esquerda e assustou o goleiro Navas.

A pressão do Celta era grande, mas no ultimo minuto do jogo, veio o banho de água fria. Aos 50 no contra-ataque, Cheryshev virou o jogo para o lateral Marcelo, que teve toda a liberdade do mundo para deslocar Álvarez e sacramentar a vitória merengue, que agora é lider da competição. A torcida da equipe de casa reconheceu o esforço dos atletas e aplaudiram mesmo apesar da derrota, um jogo memorável para o Celta.

VAVEL Logo