Análise: Liverpool vence Southampton e se aproxima da zona de classificação europeia
Divulgação / Liverpool FC

No último sábado (08), o Liverpool recebeu o Southampton em Anfield, para mais um confronto na Premier League. Com uma partida a menos, os reds conquistaram uma importante vitória na busca por uma vaga na Champions League.

Jogo bloqueado no meio campo

A partida iniciou com uma intensa marcação no meio campo, por ambas as equipes. Com uma marcação pressão e não cedendo espaços para a transição com bola no chão, Liverpool e Southampton buscaram o ataque com as bolas longas. Ao todo, foram 119 bolas longas, 59 do Liverpool (41 certas / 69%) e 60 do Southampton (34 certas / 57%).

Neste formato de jogo, melhor para os comandados de Klopp, que já atuam com esta característica desde a temporada passada. Usando muito o lateral Trent Alexander-Arnold, os reds levaram perigo ao gol de Forster desde o início da partida.

Imagem: InStat / Edição: Daniel Klabunde
Imagem: InStat / Edição: Daniel Klabunde

Uma opção para conseguir sair com a bola pelo chão seria o movimento do Firmino, recuando e trabalhando como armador para o ataque. Mas, o brasileiro iniciou a partida no banco de reservas, dando lugar à Diogo Jota. Muitas vezes, Jota era visto trocando de lugar com Mané, para tentar confundir a defesa.

Aos 30 minutos do primeiro tempo, Diogo Jota consegue abrir espaço para Mané abrir o placar. O português faz com que o lateral direito Walker-Peters o acompanhe para a parte central da área, deixando um espaço nas suas costas. Foi ali que Mané se posicionou para cabecear no cruzamento de Salah.

Imagem: InStat / Edição: Daniel Klabunde
Imagem: InStat / Edição: Daniel Klabunde

Maior pressão e segundo gol

No segundo tempo, o Liverpool intensificou a sua pressão em bloco alto, sempre pressionando a defesa dos saints o mais perto possível da sua área, tentando forçar o erro para chegar ao gol do Forster.

Imagem: InStat / Edição: Daniel Klabunde
Imagem: InStat / Edição: Daniel Klabunde

A pressão teve sucesso aos 90 minutos de partida, quando Firmino e Mané criaram superioridade numérica em cima do portador da bola. Firmino ficou com a posse de bola e serviu Thiago Alcântara, que marcou o segundo gol da partida e decretou a vitória para os donos da casa.

Imagem: InStat / Edição: Daniel Klabunde
Imagem: InStat / Edição: Daniel Klabunde

Agora o Liverpool enfrenta o Manchester United, no dia 15/05, em jogo atrasado, que havia sido por conta de protestos da torcida de Manchester. Enquanto isso, o Southampton jogará contra o Crystal Palace, buscando se distanciar ainda mais da zona de rebaixamento.

VAVEL Logo