No encerramento da 14ª rodada da Premier League neste domingo (3), Manchester City e Tottenham empataram por 3 a 3 em um dos melhores jogos da temporada. Son (contra), Phil Foden e Jack Grealish marcaram para os Citzens, enquanto Son, Lo Celso e Kulusevski foram os autores dos gols dos Spurs.

A etapa inicial começou de forma muito intensa com o Tottenham precisando de apenas seis minutos para abrir o placar. Em contragolpe fatal dos Spurs, Gil acionou Kulusevski e o cruzamento saiu na medida para Son vencer a disputa contra Doku e finalizar dentro da área, mandando por baixo do goleiro Ederson.

O artilheiro sul-coreano dos Spurs balançou novamente as redes aos 8', mas desta vez marcou contra. Em falta cobrada por Haaland dentro da área, Son acertou uma joelhada na bola e acertou o cantinho do goleiro Vicario, deixando tudo igual no placar.

Após os dez minutos de equilíbrio, o Manchester City dominou as ações no restante do primeiro tempo com uma intensidade impressionante. Aos 12', Doku roubou no campo ofensivo e cruzou na área para Haaland finalizar com liberdade, mas o norueguês desperdiçou uma ótima oportunidade.

Na sequência, o Tottenham tentou responder em novo contra-ataque com Brennan Johnson acelerando e vencendo Gvardiol, mas o zagueiro português Rúben Dias fez o corte antes do cruzamento rasteiro chegar até Son.

Retomando a pressão, o Manchester City parou na trave aos 29' depois que Doku tentou a finalização no ângulo. Porém, aos 31', a excelente jogada coletiva terminou com Doku acionando Alvaréz, que rolou na medida para Foden concluir em um golaço. Antes do intervalo, os Citzens mais uma vez pararam na trave após jogada pela direita, no chute cruzado de Julián Álvarez.

  • Tottenham reorganiza meio-campo e evita derrota mesmo com 10 desfalques

Logo no início da etapa complementar, o italiano Vicario saiu errado e deixou a bola para Bernardo, Foden e Haaland tabelaram até a finalização do português, mas o goleiro conseguiu se recuperar e fez uma defesa sensacional.

Diferentemente do primeiro tempo, não tivemos um amplo domínio no segundo tempo com as duas equipes trocando mais passes no meio-campo buscando espaços para atacar. O cenário favoreceu o Tottenham, que conseguiu respirar na partida até buscar o novo empate.

Aos 23', em roubo de bola no campo ofensivo, Lo Celso carregou e puxou para o meio finalizando no canto. A bola acertou a trave antes de balançar as redes do Eithad Stadium mais uma vez. Logo na sequência, o argentino tentou a virada em sobra dentro da área, mas a bola passou a centímetros do gol.

Os comandados de Pep Guardiola novamente subiram a intensidade e conseguiram buscar a vantagem mais uma vez. Aos 35', em nova bola roubada no ataque, Rodri achou Haaland, e o cruzamento rasteiro na área foi fundamental para Grealish apenas concluir.

Quando tudo indicava um final de jogo mais tranquilo para os Citzens, o Tottenham mais uma vez buscou o empate. Aos 44', Brennan Johnson acelerou pela esquerda e cruzou na área onde Kulusevski venceu Ake e testou firme, contando com o travessão para marcar o terceiro dos Spurs.

A reta final teve um Manchester City pressionando muito nos acréscimos, mas quem ganhou o protagonismo foi o árbitro Simon Hooper, que marcou uma falta no campo defensivo enquanto Grealish saia cara a cara com o goleiro, lance que originou uma fúria dos Citzens nos acréscimos.

  • Tabela

O empate deixou o Manchester City com 30 pontos na tabela da Premier League, finalizando a rodada apenas na 3ª colocação e três pontos atrás do líder Arsenal. Por outro lado, o Tottenham voltou ao G-5, com 27 pontos, ultrapassando o Newcastle.

  • Sequência

As emoções da Premier League retornam durante a semana. O Manchester City terá pela frente o Aston Villa, na quarta-feira (6), às 17h15 (horário de Brasília), fora de casa. No mesmo horário, só que na quinta-feira (7), o Tottenham enfrentará o West Ham.

VAVEL Logo
Sobre o autor