Sem João Lucas, Domènec Torrent tem problema na lateral-direita antes de clássico contra o Botafogo
Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

Com quatro pontos em quatro partidas e beirando a Zona de Rebaixamento, o Flamengo ainda está devendo no Campeonato Brasileiro. Principalmente, levando em consideração a campanha arrasadora da equipe no ano passado, quando somou 90 pontos na competição.

O time que conquistou cinco títulos seguidos perdeu um pouco da engrenagem antes comandada por Jorge Jesus, que foi para o Benfica, e Rafinha, que deixou o Rubro-Negro rumo ao Olympiacos-GRE.

O treinador espanhol Domènec Torrent ainda busca encontrar a maneira ideal do time jogar. E sem Rafinha, a vaga na lateral direita está em aberto. O chileno Mauricio Isla foi contratado, mas ainda não se apresentou ao grupo e deve demorar para estrear. João Lucas assumiu a posição nas últimas duas partidas, mas saiu de campo lesionado contra o Grêmio e confirmada a gravidade da lesão, deverá ser desfalque nos próximos jogos.

Pensando com a cabeça para Domènec, abaixo listamos as opções do treinador para a posição:

Matheusinho

O jovem Matheus França (19), o Matheusinho, é o único lateral direito de origem a disposição no elenco. Contratado junto ao Londrina em 2019, o garoto incorporou primeiramente a equipe sub-20 e foi promovido em definitivo nessa temporada.

No Campeonato Carioca, junto à equipe alternativa do Flamengo, disputou três partidas e deixou boa impressão. Agora, pode receber a primeira grande oportunidade da carreira. Ele já chegou a ficar no banco na partida contra o Grêmio, mas não entrou.

Renê

Lateral esquerdo reserva, Renê tem mais de 150 partidas disputadas pelo Flamengo. Mesmo jogando com o pé invertido, foi a opção de Domènec para substituir João Lucas no decorrer da última partida e não comprometeu.

O que pesa a favor de Renê é a experiência e o forte poder de marcação do atleta. Aos 27 anos, o lateral esquerdo está acostumado com a pressão da torcida rubro-negra e a catimba adversária, fator que pode ser importante para o clássico contra o Botafogo.

Rodrigo Caio

Opção improvisada na partida contra o Atlético-GO, Rodrigo Caio é outro jogador que pode fazer a lateral direita. Com isso, Gustavo Henrique ou Thuler ganhariam a posição na zaga ao lado de Léo Pereira.

Contra o jogador, o fato de que, ainda no São Paulo, Rodrigo Caio havia reclamado de fazer a lateral direita, fato que gerou desavenças com o então treinador são paulino Diego Aguirre. Contra o Atlético-GO, o zagueiro não reclamou, mas também não se encontrou durante a partida.

Outras opções

Domènec ainda pode surpreender na escalação do Flamengo e optar com outra improvisação na lateral direita. Pedro Rocha chegou a ser sondado pelo treinador e se colocou a disposição para fazer essa função. Um esquema diferente, com três zagueiros e um volante de ala também não está descartado. Outros nomes que ocasionalmente podem cumprir tal função é de Michael, ou Vitinho - este último que chegou a atuar como ala na derrota para os Dragões, na segunda rodada da competição.

Próximos jogos

O Flamengo entra em campo neste domingo, às 11h, contra o Botafogo no Maracanã. A equipe está momentaneamente na 16° posição com quatro pontos conquistados. Depois, Domènec Torrent terá uma semana inteira para trabalhar a equipe antes da partida contra o Santos, na Vila Belmiro.

VAVEL Logo