Roger Machado diz que ‘principais virtudes’ do Fluminense estão em Fred
Foto: Fluminense

Em partida válida pela terceira fase da Copa do Brasil de 2021, o Fluminense recebeu o RB Bragantino nesta quarta-feira (03), no Estádio Jornalista Mário Filho, e abriu uma larga vantagem de 2 a 0 para o duelo de volta em Bragança Paulista. A partida não contou com a tradicional festa das torcidas que ainda não podem adentrar nas Arenas. O tricolor abriu o placar com Fred em ótimo contra-ataque da equipe, e ampliou com o uruguaio Abel Hernández, em sua primeira participação após sair do banco para entrar no jogo.

Sobre o jogo

Em entrevista coletiva, o técnico Roger Machado rasgou elogios a Fred, que abriu o placar na partida, segue batendo recordes com a camisa tricolor e está à um gol de igualar Romário como maior artilheiro da Copa do Brasil

"O Fred tem sido importante, assim como o Abel. Mas especialmente o Fred. No ano que trabalhamos juntos no Atlético-MG, também foi uma temporada de muitos gols. Nas equipes que procuro trabalhar, tenho como referência o jogador que atua à frente, o artilheiro. Vou trabalhar para que ele seja o comandante da área, a válvula para que balancemos as redes. Fico feliz com o ano que ele está fazendo"

Sobre a atuação do Fluminense neste confronto de ida, o comandante fez sua analise do jogo e contou suas táticas que deram a vantagem de dois gols para o tricolor na volta, em Bragança Paulista, rumo às oitavas de final:

"Foi uma partida consistente. Acima de tudo, de muita paciência, porque enfrentamos um grande adversário, que tenta construir seu jogo a partir do seu campo. Por estarmos jogando em casa, teríamos que subir a marcação e não oferecer espaços. No primeiro tempo tivemos muito volume, mas não concretizamos. Na segunda etapa, conseguimos achar nossas principais virtudes na figura do Fred"

Sobre atuações de jogadores

Roger falou sobre a melhora na dupla de volantes da equipe, após boa atuação de Martinelli e Yago Felipe, que deu a assistência para o segundo gol de Abel Hernández:

"Quando você tem pelos lados do campo jogadores com pouco mais de pressão na retomada da bola, em que meu volante não precise a todo momento sair do corredor central pra fazer coberturas laterais, sobra energia pra que ele faça o "box-to-box" que se fala há muito tempo. Isso era o que se fazia o nosso outro jogador, que era o 8, que entrava pra dentro do campo e na maioria das vezes empurrava o 10 pra dentro da área. Então esse equilíbrio de corredor lateral que nos proporcionou que tanto o Martinelli quanto Yago pudessem entrar pra dentro do campo e jogar."

A grande surpresa da equipe, Caio Paulista vem se destacando na equipe tricolor com bons jogos, e tendo papel fundamental no esquema tático de Roger Machado: 

"Caio é quem mais evoluiu em posicionamento tático em campo. Entendeu que precisava evoluir pro que eu entendo nessa função, e trabalhou muito. Ele tem sido decisivo, assim como o Gabriel, pro equilíbrio do nosso meio. Nas inversões de corredor, onde o adversário tenta entrar por um lado, ele divide o campo, ajudando a ser um quarto jogador no meio. Tem muita força para tomar a bola e arrancar. Gosta muito do jogo físico, mas não só disso. Fico muito feliz. Da minha contribuição, tem muito pouco. O que tem é muita vontade do atleta."

Polêmica da Copa América no Brasil

Roger Machado afirmou ser contra a realização da Copa América 2021 em solo brasileiro. Com recente anúncio da Conmebol sobre a sede a competição, o técnico do Fluminense se mostrou contra levanto em consideração a crise sanitária atual do país em virtude da pandemia do coronavírus: 

"Tenho ouvido muito falar sobre o momento da realização dela no Brasil. Se fala em hipocrisia, por que se pode um (torneio) e não se pode outro, se o Brasileiro tá rolando. Assim como a vacina, quanto mais gente se vacinar melhor, mais se controla a pandemia. Quanto menos eventos houver dentro do país com estrangeiros, podendo trazer variantes... Não deve ser autorizado, na minha opinião. Deveria ser cancelada. Copa América tem a todo momento, acabou de ter, há dois anos. Não se trata de hipocrisia. Copa do Brasil, Libertadores e Brasileiro já deveriam ser repensados. Agregar mais uma competição não é saudável no momento que vivemos."

Próximos compromissos

Com a vitória no Maracanã por 2 a 0, o Fluminense leva uma ótima vantagem para o jogo de volta no Nabi Abi Chedid na próxima quarta-feira (09), às 21h30, pela terceira fase da Copa do Brasil. Domingo, dia 6, às 11h (de brasília), o tricolor recebe em seus domínios a equipe do Cuiabá pela 2ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A em 2021, onde tem um ponto após a disputa da primeira partida.

VAVEL Logo