Vitória vence no Beira-Rio e elimina Inter da Copa do Brasil
Foto: Reprodução/EC Vitória 

Em jogo válido pela volta da terceira fase da Copa do Brasil, o Inter recebeu a equipe do Vitória no Beira-Rio e perdeu por 3 a 1. Após vencer a partida de ida por 1 a 0, o Internacional foi superado em sua casa e deu adeus a competição. Com gols de Samuel, Eduardo e Guilherme Santos, o Leão mostrou sua força e eliminou o Colorado, que descontou com o volante Johnny.

Inter domina o jogo no primeiro tempo

Pressionado, o Internacional começou a primeira etapa com um amplo domínio. Com as ações do jogo, o time do Inter buscava preencher os espaços no ataque e pressionava a equipe do Vitória, que defendia-se. No primeiro tempo, o Internacional finalizou 10 vezes, 3 delas no gol do goleiro Lucas. Falando nele, o goleiro Lucas salvou a equipe do Vitória nas finalizações de Yuri Alberto e Taison. O camisa 11 do Inter, Yuri Alberto, perdeu a grande chance do primeiro tempo após receber a bola cara a cara com o goleiro e mandar por cima do travessão. Com 67% de posse de bola, o Internacional sofreu pouco no primeiro tempo.

Na estreia do técnico Ramon Menezes, o Vitória teve pouco tempo de treinamento para a partida. No entanto, no primeiro tempo, o Vitória chegou com perigo com Catatau, que acertou o travessão colorado. Depois, Guilherme Santos colocou o goleiro Daniel para trabalhar. Com pouca produtividade na primeira etapa, o Vitória foi para o intervalo já tendo feito uma substituição forçada. Guilherme Santos entrou no lugar do lesionado, Soares.

Após expulsão de Pedro Henrique, Vitória cresce e garante a classificação 

O Internacional voltou com a mesma formação para o segundo tempo. No entanto, logo aos 6 minutos de jogo, o zagueiro Pedro Henrique tomou o segundo cartão amarelo e foi expulso do jogo. No último domingo, Pedro Henrique também tinha sido expulso. Após a expulsão, Lucas Ribeiro entrou no lugar de Tiago Galhardo. Com um jogador a menos, o Internacional acabou se desencontrando na partida e viu o Vitória crescer e começar a mandar no jogo.

Precisando de apenas um gol para levar aos pênaltis, o Vitória começou a pressionar o Inter e abriu o placar aos 25 minutos do segundo tempo. Após finalização do meio da rua de Dinei, a bola explodiu no travessão e Samuel mandou para as redes na sobra. Não muito tempo depois, Johnny empatou de cabeça em uma falha da marcação do Leão. Mesmo com o empate, o Internacional continuava perdido em campo e tomou o segundo gol logo após, em um GOLAÇO de Eduardo.

Com esse resultado, a partida estava indo para as penalidades. No entanto, Raul Prata apareceu na direita e cruzou na área para Guilherme Santos subir no meio da marcação e dar números finais a partida. Com 2 gols de vantagem, o Vitória segurou o resultado até o final e pode comemorar a classificação para as oitavas de final da Copa do Brasil. Antes da partida acabar, o Inter teve outro jogador expulso, Boschilia, que entrou aos 42 minutos do segundo tempo e deixou o gramado aos 46.

E agora?

Com a eliminação precoce, o Internacional volta o seu foco para o Campeonato Brasileiro, onde enfrentará o Bahia, no próximo domingo (13), em Salvador. Já o Vitória, avança para a próxima fase e aguarda o sorteio da CBF para conhecer seu adversário nas oitavas de final. No próximo domingo (13), o Vitória volta a campo para enfrentar o Operário pelo Campeonato Brasileiro da Série B.

VAVEL Logo