Botafogo visita CSA com presença de público e pode assumir vice-liderança
Foto: Augusto Oliveira/ASCOM CSA

Mirando a vice-liderança da Série B do Brasileirão 2021, o Botafogo visita o CSA nesta quinta-feira (23) às 19h pela 25ª rodada. A bola rola no Rei Pelé, em Maceió (AL), e com a presença de público. Até três mil sócios poderão entrar no estádio apresentando cartão completo de vacinação contra Covid-19 ou exame negativo para a doença. A diferença entre as equipes é de 12 pontos, com uma no G-4 e outra na segunda metade da tabela.

No primeiro turno, pela sexta rodada, o time carioca levou a melhor sobre o alagoano jogando em casa: 2 a 0. Os gols foram marcados por Marco Antônio e Diego Gonçalves, com duas assistências de Rafael Navarro.

Azulão passa para primeira parte da tabela caso vença

Dependendo apenas de si para pular da segunda para a primeira metade da tabela, o CSA ocupa a 12ª colocação com 32 pontos. Somando mais três em casa, assume o oitavo lugar, atualmente ocupado pelo Náutico. O Azulão ultrapassaria quatro adversários posicionados acima uma vez que já jogaram na rodada. A equipe alagoana vem de vitória, sobre o Londrina por 2 a 0, mas que foi a única nas últimas cinco partidas (mais três derrotas e um empate). A distância para o Z-4 é de sete pontos.

O técnico Mozart possui apenas duas dúvidas em relação ao time que começou contra o Londrina, ambas no setor ofensivo e por opção técnica. O meia Renato Cajá pode ganhar a vaga do atacante Marco Túlio, enquanto Dellatorre e Nilson disputam posição no ataque. Dudu Beberibe, em transição, segue como desfalque.

Provável escalação do CSA: Thiago Rodrigues; Cristovam, Lucão, Matheus Felipe, Ernandes; Yuri, Geovane, Renato Cajá (Marco Túlio); Gabriel, Iury Castilho e Dellatorre (Nilson).

Glorioso depende só de empate para ser vice-líder

O Botafogo também depende apenas de si, mas para virar o novo vice-líder do campeonato. Está na terceira posição com 44 pontos, a somente um do atual segundo colocado Goiás. Como o time esmeraldino já jogou na rodada, um empate botafoguense garante o objetivo pelo número de vitórias (13 contra 12). Para tanto, o Glorioso vem embalado por uma sequência de cinco vitórias e sete jogos sem perder. Na rodada anterior, vitória de virada sobre o Náutico pelo placar de 3 a 1.

Enderson Moreira, comandante alvinegro, não poderá contar com Pedro Castro e Marco Antônio, os dois por lesão. Os substitutos devem ser Luis Oyama e Diego Gonçalves respectivamente, ambos recorrentes no time titular. Os desfalques seguem por conta de Carli e Romildo (lesionados), Hugo, Ronald e Gatito (em transição).

Provável escalação do Botafogo: Diego Loureiro; Daniel Borges, Kanu, Gilvan, Carlinhos; Barreto, Luis Oyama, Chay; Warley, Diego Gonçalves e Rafael Navarro.

VAVEL Logo