Avaí visita lanterna Brasil de Pelotas defendendo posição no G-4
Jogo do primeiro turno terminou empatado na Ressacada (Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC)

Na luta pelo acesso, o Avaí visita o lanterna Brasil de Pelotas na 33ª rodada da Série B 2021. Enquanto o rival briga lá em cima, o Xavante pode ser rebaixado matematicamente caso seja derrotado no estádio Bento Freitas. A partida desta terça-feira (2) começa às 16h.

No primeiro turno, na Ressacada, o confronto terminou empatado por 1 a 1. Netto abriu o placar para o Xavante, e Júnior Dutra decretou a igualdade. No total, as equipes já se enfrentaram 17 vezes, com oito vitórias do Avaí, três do Brasil e seis empates.

Último suspiro

O Brasil de Pelotas está praticamente em clima de despedida após seis temporadas na Série B. O técnico Jerson Testoni assumiu o Xavante há seis rodadas, já pensando em 2022, com a situação praticamente irreversível na tabela. A equipe está com apenas 23 pontos conquistados, 15 atrás do primeiro time fora do Z-4. A derrota para o Avaí, aliada a uma vitória de Brusque e empate da Ponte Preta, define matematicamente o rebaixamento dos gaúchos.

Apesar deste cenário, o Brasil vem conseguindo melhores resultados recentemente. O time só perdeu um dos últimos quatro jogos - para o Vitória -, empatou um e venceu dois. Na rodada passada, triunfo em casa sobre o Náutico por 3 a 2, com gol da vitória já na reta final.

Para o duelo contra o Avaí, Testoni não tem nenhum desfalque. A única mudança em relação à partida contra o Náutico é a mudança no gol: Matheus Nogueira no lugar de Marcelo. O treinador definiu um rodízio na posição para a reta final da competição.

Testoni, inclusive, tem um ótimo retrospecto contra o Avaí - quatro vitórias (incluindo a Recopa SC 2020), dois empates e somente uma derrota em sete partidas comandando o Brusque.

Provável escalação do Brasil: Matheus Nogueira; Netto, Leandro Camilo, Ícaro, Sousa; Diego Gomes, Bruno Matias; Rildo, Renatinho, Patrick; Erison.

Leão em busca de tranquilidade

O Avaí visitou o Operário para tentar se aproximar da liderança da Série B, mas perdeu de virada por 2 a 1 e agora tem sua posição no G-4 ameaçada. O Leão ocupa a terceira colocação, com 53 pontos, com dois de vantagem para o CRB, primeiro fora do G-4.

No segundo turno, o Avaí vem tendo certa dificuldade contra os times da parte de baixo da tabela. O Leão venceu Vasco, Goiás, CRB, Londrina, Botafogo e Cruzeiro no segundo turno, enquanto perdeu para Coritiba, Vila Nova, Remo, Confiança e Operário, além de ter empatado contra o Brusque e a Ponte Preta.

O técnico Claudinei Oliveira não pode contar com o lateral Edílson, que sentiu no aquecimento contra o Operário e ainda forçou o terceiro amarelo, já que não teria condições de jogo em Pelotas. Por outro lado, o capitão Betão retorna de suspensão.

Provável escalação do Avaí: Gledson; Diego Renan, Alemão, Betão, João Lucas (Iury); Bruno Silva; Jadson (Vinícius Leite), Jean Cléber, Lourenço, Copete; Getúlio.

Arbitragem

Diego Pombo Lopez apita o jogo, auxiliado por Edevan de Oliveira Pereira e Luanderson Lima dos Santos, todos da Bahia. Marco Aurelio Augusto Fazekas Ferreira e Marcus Vinicius Gomes, de Minas Gerais, comandam o VAR

VAVEL Logo