Em momento conturbado, Avaí visita Náutico dependendo de si para garantir acesso
Foto: Frederico Tadeu/Avaí FC

Na penúltima rodada da Série B 2021, o Avaí encara sua "batalha dos Aflitos" em busca do acesso. O Leão joga em Recife diante do Náutico, que apenas cumpre tabela, neste domingo (21), às 19h . O time catarinense só depende de suas forças para garantir o retorno à elite do futebol brasileiro.

No primeiro turno, o Avaí venceu o Náutico na Ressacada por 2 a 0, com gols de Yago (contra) e João Lucas. No total, as equipes já se enfrentaram 17 vezes, com nove vitórias do Leão, cinco do Timbu e três empates.

Despedida de casa

O Náutico, que teve um início de Série B avassalador, termina a temporada de forma melancólica. O jogo contra o Avaí é o último em 2021 diante do torcedor, que esperava um roteiro diferente para o fim do ano.

O Timbu vem de três jogos sem perder, incluindo a vitória contra o Sampaio Corrêa na rodada passada, mas não tem mais chances de acesso. Com 52 pontos, o Náutico está na oitava colocação. Apesar de ter o terceiro melhor ataque da Série B, com 49 gols marcados, o time de Hélio dos Anjos é o terceiro que mais sofreu gols: 48 - apenas Vasco (49) e Brusque (54) têm marcas piores.

Hélio está conversando com os candidatos à presidência do clube para planejar o ano que vem, mas não tem sua permanência garantida. O técnico já decidiu, porém, que vários jogadores vão receber férias após o jogo contra o Avaí e não enfrentam o Cruzeiro na rodada final.

O time que enfrenta o Avaí tem uma mudança garantida em relação ao que enfrentou o Sampaio Corrêa: Júnior Tavares, suspenso, deve ser substituído por Guilherme Nunes.

Provável escalação do Náutico: Anderson; Thássio, Rafael Ribeiro, Camutanga, Guilherme Nunes (Luan); Rhaldney, Matheus Trindade, Matheus Jesus, Jean Carlos; Vinicius, Paiva.

Reunindo forças

O Avaí fez um campanha consistente por grande parte do campeonato, mas vem sofrendo na reta final. O Leão teve dois empates em sequência, em casa, antes da derrota por 4 a 0 em confronto direto contra o Guarani na rodada passada, que tirou o time catarinense do G-4.

Desde a derrota em Campinas, o Avaí teve jogadores desmentindo jornalista sobre pagamentos de salário - que estão atrasados desde agosto - e a recusa de Jadson de viajar com o grupo, alegando problemas pessoais - ele foi reserva nas últimas duas partidas.

Mesmo nesse clima conturbado, o Avaí, quinto colocado, com 58 pontos, só depende de si para conseguir o acesso. Caso vença o Náutico, o time vai, necessariamente, terminar a rodada no G-4, já que Goiás, terceiro, e Guarani, quarto, se enfrentam nesta rodada. Desta forma, uma vitória na partida final contra o Sampaio Corrêa, na Ressacada, asseguraria o atual campeão catarinense na Série A em 2022.

Além de Jadson, o técnico Claudinei Oliveira não pode contar também com Diego Renan, que está fora da temporada por lesão. Por outro lado, o Leão conseguiu o efeito suspensivo para que Edilson possa estar à disposição para a partida em Recife.

Provável escalação do Avaí: Glédson; Edilson, Alemão, Betão, João Lucas; Bruno Silva; Copete, Jean Cléber, Lourenço, Vinícius Leite; Getúlio.

Arbitragem

Wagner do Nascimento Magalhaes apita o jogo, auxiliado por Luiz Claudio Regazone e Thiago Henrique Neto Correa Farinha. A equipe do VAR é composta por Carlos Eduardo Nunes Braga e Carlos Henrique Cardoso de Souza. Todos são do Rio de Janeiro.

VAVEL Logo