Com expectativa de Independência lotado, Cruzeiro decide futuro na Copa do Brasil contra Remo
Foto: Reprodução/ Cruzeiro

Nesta quinta-feira (12), o Cruzeiro recebe o Remo, às 19h30, na Arena Independência, em Belo Horizonte/MG, pela partida de volta da terceira fase da Copa do Brasil.

Na disputa por uma vaga nas oitavas de final da competição, a equipe celeste busca reverter o placar adverso, de 2 a 1, sofrido na partida de ida no Estádio Evandro Almeida, o Baenão, em Belém/PA.

O primeiro duelo reservou muitas emoções ao torcedor, que viu a penalidade cobrada por João Paulo ser defendida pelo goleiro Vinicius ainda no começo da segunda etapa. O Cruzeiro buscou o gol com Rodolfo, mas Willian Oliveira (contra) e Daniel viraram a partida para o time da casa.

Torcida celeste esgota ingressos para duelo decisivo

O Cruzeiro vem para o confronto após uma imponente vitória sobre o Grêmio, forte concorrente, pela sexta rodada da Série B. Empurrado pela torcida no último domingo (8), a Raposa poderá contar, novamente com o apoio máximo de sua torcida.

De acordo com o portal de notícias GE, o Cruzeiro anunciou, na manhã de quarta-feira (11), que todos os ingressos disponíveis para a partida contra o Remo, no Independência, foram vendidos. Pela segunda vez consecutiva, a Raposa contará com lotação máxima. 

 

Em casa, a equipe celeste não poderá contar com Neto Moura, pois o jogador já atuou na Copa do Brasil pelo Mirassol-SP. Além dele, João Paulo, que passou por uma cirurgia após lesionar a coxa direita, também é desfalque para o confronto.

Provável Escalação: Rafael Cabral; Zé Ivaldo, Oliveira e Eduardo Brock; Geovane (Rômulo), Willian Oliveira, Matheus Bidu e Canesin; Luvannor, Jajá e Edu

Desfalcado, Remo busca manter tabu contra a Raposa

Segundo o site oficial do clube, a delegação do Remo está em Belo Horizonte desde a noite de domingo (8). Por questões de logística, a equipe optou por não retornar a Belém após a partida contra o Brasil de Pelotas, pela Série C, e rumou diretamente para a capital mineira.

O Remo perdeu a para o Brasil de Pelotas por 1 a 0 e chega para a partida com seis desfalques. O técnico Paulo Bonamigo não poderá contar com o atacante Rodrigo Pimpão, que já atuou na competição, além dos laterais Ricardo Lu, Renan Castro e Rony, o volante Pingo e o atacante Netto

Mesmo desfalcado, o Leão se apoia no tabu instaurado sobre a equipe celeste. 42 anos já se passaram desde a última vez em que o Cruzeiro venceu o Remo. Na temporada passada, as equipes se enfrentaram pela Série B e os azulinos venceram ambas as partidas.

Provável escalação: Vinícius; Kevem, Daniel Felipe, Marlon e Leonan; Anderson Uchôa, Paulinho e Vanílson; Bruno Alves, Fernandinho e Brenner

VAVEL Logo