PLACAR: 1-0, MIN.69, DANILO DIAS
Desaire do ‘leão’: Sporting perde frente ao União da Madeira
Foto: CF União da Madeira

Desaire do ‘leão’: Sporting perde frente ao União da Madeira

Depois de 7 jogos consecutivos a vencer, o Sporting consentiu a primeira derrota para o campeonato em casa do União da Madeira.

joaoratinho
João Ratinho

Na 14ª jornada da Liga Portuguesa, o União da Madeira recebeu em sua casa o (até então) líder do campeonato, o Sporting Clube de Portugal. Relativamente ao último jogo das duas equipas, Luís Norton de Matos não fez nenhuma alteração, mantendo os mesmo onze jogadores que alinharam frente ao Benfica. Quanto a Jorge Jesus, o treinador leonino realizou 4 alterações em relação ao jogo para a Taça de Portugal frente ao Sporting de Braga, fazendo entrar no onze Ricardo Esgaio, Naldo, Gelson e Montero.

Na antevisão do jogo, Jorge Jesus afirmou que o União da Madeira tem uma boa organização defensiva e que será um jogo complicado, mas mantendo a convicção de que o Sporting tem condições para manter o 1º lugar. Do lado do clube madeirense, o presidente do clube Filipe Silva afirmou que um empate seria um bom resultado e “uma boa prenda de Natal”.

Entrada forte das duas equipas

Tanto o União como o Sporting entraram bem no jogo, com contra-ataques fortes. Do lado do Sporting, destaque para o miúdo Gelson Martins que, a par de Esgaio e Montero, trouxeram dinâmica ofensiva pelo lado direito do ataque leonino, explorando uma pequena lacuna do lado esquerdo da defesa do União. Relativamente ao clube da casa, mostrou uma boa organização defensiva, fechando bem os espaços que os atacantes do Sporting procuravam criar.

Após alguns remates do Sporting – por Jefferson, de livre, e por Slimani – que foram defendidos por André Moreira, o jogo entrou numa fase mais calma, onde as equipas deixaram de arriscar tanto. Até que no último minuto Fredy Montero remata para a baliza, vendo o seu golo a ser tirado em cima da linha por André Moreira.

Uma segunda parte frenética

O Sporting entrou, mais uma vez, muito forte no jogo. A jogar sempre no meio campo adversário, o clube de alvalade conseguiu criar boas ocasiões de golo por parte de Montero e de Bryan Ruiz. No entanto, contra as expectativas, foi o União da Madeira quem chegou ao golo: após cruzamento de Paulinho, o avançado Danilo Dias, sem marcação, cabeceia para dentro da baliza defendida por Rui Patrício.

A partir desse momento, o Sporting procurou incessantemente o golo, com destaque para remates de Slimani, Gelson e Jefferson. Apesar das boas iniciativas criadas pelo Sporting, os ‘leões’ encontravam sempre pela frente o guardião André Moreira, que estava numa noite inspirada.

Jorge Jesus inconformado

Quanto à derrota consentida na Madeira, o treinador leonino afirmou que «a única vez que o União foi à baliza fez golo» e que os seus jogadores tudo fizeram para ganhar o jogo, pois «criaram oportunidades» sem conseguirem, no entanto, concretizar. Como Jorge Jesus referiu, «é o futebol».

Do lado do União, Norton de Matos mostrou-se muito feliz com a vitória dando os parabéns à sua equipa pela coesão e organização defensivas. Questionado quanto à sua continuidade, o técnico afirmou que vai “continuar como líder da equipa”. Desta forma, o União da Madeira soma 14 pontos, ficando em 14º lugar; o Sporting perde a liderança, descendo para 2º lugar com 35 pontos.

VAVEL Logo
CHAT