Guia VAVEL da NBA 2015/2016: Detroit Pistons
(Foto: Hugo Alves/ Editoria de Arte VAVEL)

Os torcedores do Detroit Pistons foram acostumados a figurar entre as melhores equipes da NBA. A franquia viveu anos dourados com os ''Bad Boys'' entre as décadas de 80 e 90. Ao contrário do que se pensava, os anos 2000 também foram muito bons para o time de Michigan, sempre com bons elencos até conquistar seu tricampeonato, em 2004.

Nos últimos anos, porém, o time vem falhando nas tentativas de reconstrução e espera na próxima temporada tentar mudar esse quadro e voltar aos trilhos.

- O QUE ESPERAR NESTA TEMPORADA?

Nessa nova temporada, os Pistons contam com uma mescla de idades, entre jogadores bem experientes, como Steve Blake e Danny Granger, juntamente com bons prospectos e jovens promissores como Reggie Jackson e Andre Drummond. A equipe de Michigan busca recuperar o equilíbrio que tiveram no fim da temporada passada para brigar por uma vaga nos playoffs.

No entanto, tudo vai depender da evolução dos mais jovens e de como os mais experientes se manterão saudáveis e aptos para auxiliar o elenco. O treinador Stan Van Gundy não deve almejar nada mais que uma vaga nos playoffs.


- COMO FOI A TEMPORADA ANTERIOR?

Lesão de Jennings foi crucial para os rumos da temporada (Foto: Getty Images)

Na temporada passada a equipe não fez uma boa apresentação, perdendo Brandon Jennings, o principal jogador, bem na metade da temporada. O time ainda contou com uma surpreendente melhora após a saída de Josh Smith para o Houston Rockets e acabou tendo uma campanha positiva e mais equilibrada.

Porém os maus resultados conquistados no início fraco de temporada (8 vitórias nos primeiros 30 jogos), pesaram para que a campanha não fosse suficiente para chegar aos playoffs. A equipe terminou com 32 vitórias e 50 derrotas e ficou na 12ª posição na Conferência Leste.

- QUEM É O CRAQUE:

Andre Drummond, pivô

Drummond terá ainda mais protagonismo no garrafão (Foto: Getty Images)

Andre Drummond é o principal nome dessa equipe, Drummond jogou todas as partidas da última temporada e liderou a equipe em rebotes (13.5 por jogo), em tocos (1.9 por jogo) além de ser um dos que mais pontuaram. Com as saídas de Josh Smith e Greg Monroe, o jovem terá mais espaço e para exercer suas habilidades defensivas, embora se espera que ele melhore o potencial ofensivo para aproveitar a velocidade dos armadores.

Drummond vem mantendo seus números com a mesma regularidade do ano passado, nessa pré-temporada o pivô lidera a equipe em pontos e rebotes e elimina qualquer dúvida de quem será o pivô titular dos Pistons.


- FIQUE DE OLHO:

Reggie Jackson, armador

Jackson assinou um grande contrato de U$80 milhões por 4 anos (Foto: Getty Images)

Com a lesão de Brandon Jannings no ano passado, os Pistons agora buscaram um outro armador jovem, que por enquanto parece estar dando conta do recado. Jackson chegou muito bem valorizado e mesmo atuando apenas no fim da temporada, conseguiu médias de 19.7 pontos e 9.2 assistências, que o garantiu uma extensão contratual nessa temporada. Jackson tem mantido seu bom nível nos jogos de pré-temporada, sendo um dos cestinhas e o líder em assistências e com certeza será peça importante na campanha dos Pistons.


- GINÁSIO DA EQUIPE:

"The Palace" representa a tradição dos Pistons (Foto: Getty Images)

The Palace of Auburn Hills é um dos mais charmosos e tradicionais ginásios da NBA, inaugurado em 1988, o ginásio viu absolutamente todas as conquistas dos Pistons em sua história, desde títulos de divisão até os três campeonatos da NBA (1989, 1990 e 2004), abrigando dos times mais fracos até a geração de ouro dos Bad Boys nos anos 80 e 90.

VAVEL Logo