Na noite desta quarta-feira (07), o São Paulo recebe a equipe do Água Santa pela sexta rodada do Campeonato Paulista. A bola rola a partir das 21h35 (horário de Brasília), e o palco do confronto será o Estádio do Morumbi, em São Paulo.

  • TRICOLOR QUER MANTER A BOA FASE

O São Paulo chega à sexta rodada do estadual vivendo uma ótima fase na temporada até aqui. O tricolor vem de um título inédito na Supercopa, no final de semana, onde venceu seu rival Palmeiras nas penalidades e conquistou o seu primeiro troféu da temporada de 2024.

A equipe do Morumbi já vinha embalada no estadual, com 3 vitórias e um empate em quatro partidas disputadas, ocupando a liderança do Grupo D e sem nenhuma derrota até o momento.

Com a final da Supercopa no final de semana, o São Paulo teve uma partida remarcada, e, portanto, possui um jogo a menos que os demais times do grupo, jogo que será realizado no dia 21 de fevereiro contra a equipe da Inter de Limeira.

Após uma semana cheia, com dois clássicos seguidos, é provável que o técnico Thiago Carpini poupe seus titulares, visando manter a boa forma do elenco e também evitar mais lesões.

  • ÁGUA SANTA BUSCANDO SE FIRMAR 

O Netuno vem de uma vitória em casa na rodada passada, contra a equipe do Mirassol. A equipe de Diadema tem vivido altos e baixos no estadual e até agora não conseguiu se firmar na competição, conquistando em cinco partidas, duas vitórias, um empate e duas derrotas.

Mesmo oscilando até aqui, o Netuno está na vice-liderança do Grupo B, e uma vitória seria fundamental para se firmar na competição e encostar no líder Palmeiras. O confronto também marca o reencontro da equipe com o técnico Thiago Carpini, que juntos chegaram ao vice-campeonato estadual na temporada passada.

  • PROVÁVEIS ESCALAÇÕES:

São Paulo: Jandrei, Moreira, Alan Franco, Ferraresi e Patryck (Michel Araújo); Luiz Gustavo e Bobadilla; Erick, Galoppo e Ferreira; Juan. Técnico: Thiago Carpini.

Desfalques: Lucas e Igor Vinicius (lesionados).

Água Santa: Ygor Vinhas; Gabriel Inocêncio, Roger Carvalho, Walber, e Rhuan; Cristiano, Igor Henrique, Luan Dias; Bruno Xavier, Keké e Bruno Mezenga. Técnico: Bruno Pivetti.

Desfalques: Matheus Cavichioli, Matheus Novaes, Arthur e Neilton (lesionados).

ARBITRAGEM:

Árbitro: Raphael Claus

Assistentes: Miguel Cataneo Ribeiro da Costa e Italo Magno de Paula Andrade

Quarto Árbitro: Fagson Junior dos Santos Silva

VAR: Marcio Henrique de Gois.