Lesão de CR7 põe em causa o Mundial português
A lesão de CR7 preocupa não só a Selecção, mas também os responsáveis do Real Madrid (Foto: Uefa.com)

Lesão de CR7 põe em causa o Mundial português

A lesão do melhor jogador do Mundo é mais grave do que aparentava. No boletim clínico dado ontem pelo departamento médico da Selecção Portuguesa,  ficou conhecido que Cristiano Ronaldo sofre não só de uma lesão muscular na coxa esquerda, mas também de uma lesão no tendão da rótula. O Vavel foi falar com especialistas e as noticias não são boas. O Português pode demorar 2 meses a recuperar a 100%.

mariana-cordeiro-ferreira
Mariana Cordeiro Ferreira

Lesão muscular na região posterior da coxa esquerda, aliada com um quadro de tendinose rotuliana. Nomes complicados, mas que revelaram ontem o que realmente se passa com CR7. 

A estrela do Real Madrid e da Selecção já inspirava preocupação, mas depois de se tornar público o boletim clínico, a preocupação aumentou. Ronaldo tem 2 lesões em simultâneo e de acordo com Maria Cordeiro, antiga enfermeira, «a recuperação a 100% pode demorar 2 meses. Isto se Ronaldo tiver o tratamento adequado ao problema que tem»

A lesão e a preocupação com o Mundial 

Ronaldo é o melhor jogador do Mundo, foi o melhor marcador da Champions, o melhor marcador da Liga Espanhola e o melhor marcador português na fase de apuramento para o Mundial deste ano. O esforço e a dedicação foram evidentes, mas talvez tenho sido isso mesmo que acabou por prejudicar o capitão da Selecção

O ritmo de jogo, a forma física, a corrida, a velocidade e os golos fazem dele o avançado a deitar ao chão pela equipa adversária. Apesar de tudo, a lesão pode ter outras causas «O esforço físico a que os jogadores estão sujeitos é pesado. O Cristiano ganhou tudo e sempre foi a estrela máxima em todos os jogos, mas a tendinose rotuliana pode ter aparecido por vários motivos: uma queda mal dada, um mau jeito no pontapé ou ainda da corrida em esforço» disse Maria Cordeiro. 

Quando pedimos à antiga enfermeira que nos explicasse melhor o que se passa com o português e de que tipo de lesão é que estamos a falar, a resposta foi rápida «A lesão na coxa é de fácil resolução. Descanso bastava para que recuperasse a tempo, mas dado que está aliada a uma tendinose rotuliana, o prolema torna-se um bocadinho mais complicado. O que o Ronaldo tem diz respeito ao esforço que fez em excesso. Muitos jogos nas pernas, muito esforço e o facto de ter jogado alguns jogos ainda sem estar a 100% só piorou a situação.»

O tratamento é simples, contudo pode vir a ser demorado. Tal como se pode ler no boletim clínico, CR7 limita-se apenas a treino condicionado, individualizado, em campo. Ainda assim a fisioterapia e o trabalho de ginásio, tal como as massagens localizadas também têm de fazer parte do trabalho do português. Quanto mais descobrimos, mais nos podemos assustar. Quando Maria Cordeiro disse ao Vavel Portugal que a recuperação total «pode vir a demorar 2 meses», o primeiro pensamento foi mesmo o Adeus ao Mundial. «O Ronaldo está a ser bem acompanhado. A Selecção Portuguesa tem grandes médicos a serviço e sabemos que o jogador vai ter todas as condições necessárias à recuperação a tempo de jogar no Brasil. Contudo, no pior dos cenários, o menino de ouro pode ter de ficar sem jogar 2 meses». 

A dúvida permanece, Ronaldo quer jogar, os portugueses querem ver Ronaldo a jogar, mas a verdade é que apenas nos resta esperar. Esperar para ver como recupera, esperar para ver se recupera, ou se a Selecção Portuguesa vai ser obrigada a jogar sem o Capitão principal e deixar CR7 na bancada. 

Os merengues não largam o português 

A lesão de Ronaldo é preocupante, não só para toda a comitiva portuguesa, mas também para os responsáveis do Real Madrid. Fiorentino Pérez, presidente do Clube Madrileno, falou hoje com uma Rádio Espanhola e em declarações suscintas deixou fugir que também em Madrid a preocupação não passa só pelo jogar ou não jogar no Mundial, mas do que possa acontecer durante a competição. 

«Preocupa-me que um jogador possa sair lesionado do Mundial, como saiu o Kaká ou o Kedhira. No Real precisamos de jogadores a 100%. Ronaldo tem de estar bem para jogar no Mundial, mas também tem de estar apto para poder jogar no seu melhor no início da próxima época.» 

O Presidente do Real Madrid também está preocupado com o português (Foto: realmadrid.com) 

É de conhecimento público que um médico do Real Madrid já foi destacado para acompanhar também o jogador português e ver em que estado está CR7, mas a verdade é que nada disso tem ajudado a descansar os adeptos.

O Presidente merengue sabe que a pérola portuguesa está em sérias dificuldades e avisou a comitiva portuguesa Jogadores como o Cristiano só podem jogar quando estão bem. Se não está bem, não joga. Há que ter cuidado com tudo isso. O Ronaldo é português, mas também é jogador do Real Madrid e deste lado, posso garantir-lhe que de tudo faremos para que ele fique a 100% quer para o Mundial, quer para o ínicio da próxima época

VAVEL Logo