Perfil Brasil 2014: Thiago Silva
Perfil Brasil 2014: Thiago Silva

Thiago Silva representa a classe mais alta dos defesas mundiais, a forma como aparece junto dos adversários tirando linhas de passe, a capacidade extrema de cortar a bola com precisão, no momento certo, o controlo de bola e o passe certeiro são apenas algumas das características que fazem do jogador brasileiro um dos melhores do mundo.

O seu percurso começou num clube pequeno do Rio de Janeiro pertencente ao núcleo do Fluminense, apesar de ser sempre utilizado nos locais onde fez formação nunca foi visto como uma estrela, tendo mesmo andado a fazer testes em clubes como o Botafogo, o Flamengo, o Fluminense e mesmo nos mais humildes Madureira e Olaria tendo sido rejeitado por todos eles, alguns sem sequer chegar à parte de observação dos treinadores.

Thiago acabou por ir jogar para o Barcelona Esporte Club onde se destacou e em 2001 profissionalizou-se no RS Futebol disputando a Terceira Divisão do Gaúcho, esta experiência deu-lhe a possibilidade de ser chamado às convocações para as divisões de base da Selecção Brasileira.

Foi após esta etapa que se transferiu para a Juventude que lhe abriu as portas para o estrangeiro. O seu primeiro teste na Europa foi com a camisola do Futebol Clube do Porto na equipa B onde assinou por 5 temporadas, porém o jovem brasileiro começou a sentir dores constantes no peito que o impendiam de jogar. Os exames não constatavam nada em concreto e em Janeiro foi vendido ao Dínamo de Moscovo onde passou a receber o dobro do salário.A ida para a Rússia não atenuou os problemas de Thiago e descobriu-se que se tratava de uma tuberculose em estado grave.

A reviravolta na vida de Thiago

O brasileiro esteve internado 5 meses em condições deploráveis mas a reviravolta na sua vida deu-se pelas mãos de Ivo Worttmann que tinha treinado Thiago no Juventude e que o enviou para ser curado num especialista em Portugal. Mais tarde o mesmo treinador foi contratado para o Fluminense e foi buscar o defesa brasileiro por empréstimo. Thiago Silva estava perante o relançar da sua carreira, era um jogador imprescindível na equipa e acabou por vencer a Copa do Brasil em 2007.

Em 2009, Thiago Silva regressa à Europa para representar as cores do Milan que era visto como um clube importante para o jogador se afirmar no futebol europeu. Mais uma vez surgiu um imprevisto e o defesa esteve meia época sem jogador porque o clube tinha atingido o limite de jogadores sem passaporte na União Europeia. Quando conseguiu a titularidade, Thiago Silva tornou-se fundamental e insubstituível.

Em Junho de 2012 o Milan recusou uma proposta de 46 milhões de euros para que Thiago Silva rumasse ao PSG porém no mês seguinte ficou fechado um negócio que incluía o brasileiro e Ibrahimovic, sendo que Thiago era a trasnferência de um defesa mais cara de sempre (tendo sido agora ultrapassado por David Luiz). O PSG é o seu actual clube e a prova que Thiago Silva superou todos os obstáculos e atingiu o futebol de topo, sendo considerado um dos melhores defesas do mundo.

Thiago Silva representa as cores da Selecção Brasileira e é o capitão tendo sido apontado por 15 jogadores como o líder ideal para a equipa. O próprio defesa brincou numa conferência de imprensa: «Faz parte da minha vida. Até mesmo em casa me sinto capitão. A última palavra é sempre minha, é sempre ‘ok’».

Em relação à selecção canarinha Thiago Silva acredita que é candidata ao Mundial em casa, o defesa sonha erguer a Taça no Maracanã e dar o hexacampeonato ao Brasil e crê que é possível fazê-lo sem sofrer golos colocando total confiança na defesa e na equipa.

VAVEL Logo