Gallopin veste a amarela e Tiago Machado sobe ao terceiro lugar do Tour
Surpreendente terceiro lugar para Tiago Machado (Foto: LusoAmericano.com)

Gallopin veste a amarela e Tiago Machado sobe ao terceiro lugar do Tour

Na nona etapa do Tour, o francês Gallopin roubou a camisola amarela ao italiano Vicenzo Nibali, enquanto Tiago Machado, ciclista luso, ascendeu ao terceiro lugar da geral depois de uma etapa estóica onde participou numa fuga bem sucedida. Tony Martin foi o vencedor da tirada.

vavel
VAVEL

O dia de hoje foi pródigo em mudanças no Tour de France, devido às fugas propiciadas pelas dificuldades do percurso entre Gérardmer e Mulhouse. Na nona etapa da prova, as subidas íngremes foram fazendo mossa, ao passo que a fuga do dia, bem sucedida, implicou alterações profundas na classificação geral: Tony Gallopin, da Lotto-Belisol, acabou por roubar a amarela a Vicenzo Nibali, terminando, por agora, com o reinado do italiano da Astana, que durava há sete dias. O francês levou a fuga a bom porto, no dia em que o alemão Tony Martin, da Omega Pharma-Quick Step, ergueu os braços ao passar a meta em primeiro, com um tempo de 4h'09'34 segundos.

Os portugueses Tiago Machado (NetApp-Endura) e Sérgio Paulinho (Tinkoff-Saxo) também integraram o grupo de fugitivos que chegou a dois minutos e quarenta e cinco segundos após Martin, o que levou a mudanças significativas na classificação: Gallopin veste agora de amarelo e o ciclista da NetApp sobe surpreendentemente ao terceiro lugar da geral, a dois minutos e quarenta segundos do líder, que guarda um minuto e trinta e quatro segundos para Nibali. Alberto Contador, da Tinkoff-Saxo, mostrou estar apto para discutir o Tour, obrigando Nibali a esforços adicionais no fim da jornada.

O português Rui Costa, da Lampre-Merida, voltou a dar boa conta de si mas não evitou a queda para a décima primeira posição da geral individual, a quatro minutos e vinte seis segundos da liderança. O dia voltou a ser marcado por algumas quedas (note-se que Chris Froome abandonou depois de cair por três vezes), com Andrew Talansky (Garmin-Sharp) a não escapar ao infortúnio, perdendo tempo precioso na tabela classificativa. 

 

VAVEL Logo
CHAT