GP da Rússia 2014 de F1 directo

GP da Rússia 2014 de F1 directo

hugopalmeida
Hugo Picado de Almeida
Live LoaderVAVEL Live SmallLive Match

13:52 É tudo por agora, e terminamos aqui mais um directo da F1 no VAVEL.com, enquanto os pilotos abandonam o pódio. Não percam, já daqui a pouco, a crónica ao primeiro GP da Rússia na história da modalidade. Obrigado por se terem juntado a nós!

13:50 Notavelmente, no dia em que a Mercedes vence o título de construtores, os cinco primeiros lugares neste GP foram para monolugares com unidades motrizes Mercedes. Hamilton atinge também um importante marco na carreira, ao igualar Nigel Mansell, com 31 vitórias. É o máximo número de vitórias conquistadas por um britânico.

13:45 Os pilotos sobem neste momento ao pódio e recebem os seus troféus. É o próprio Presidente russo, Vladimir Putin, quem entrega o prémio a Lewis Hamilton.

13: 42 Bottas fez uma brilhante corrida pela Williams. Depois de grande parte da corrida em 2º, o finlandês sucumbiu apenas ao ataque de Rosberg, ficando ainda com um muito honroso 3º lugar. Hamilton deu-lhe os parabéns pelo ritmo fantástico.

13:40 «Parabéns pelo título de construtores. Grande trabalho! Estamos a fazer história!», foi assim que Hamilton respondeu aos parabéns do seu engenheiro pela brilhante prestação de hoje. «Absolutely Masterclass!», disse-lhe o técnico via rádio.

13:38 Fantástico fim-de-semana para Hamilton e para a Mercedes na Rússia! O inglês liderou todas as voltas deste GP, depois de ter partido também da pole position. Com a vitória do inglês e o segundo lugar de Rosberg, que fez 52 voltas com um jogo de pneus, a Mercedes conquista já hoje o título mundial de construtores. Esta foi a 9º dobradinha da época para as Flechas de Prata! 

LEWIS HAMILTON (MERCEDES) VENCE O GP DA RÚSSIA 2014!

53/53 Última volta para o líder Lewis Hamilton!

51/53 A corrida entrou numa fase final tranquila. Não se prevêem alterações nem paragens nestas últimas voltas.

49/53 Com as primeiras posições sem diferenças, vejamos quem fecha neste momento os lugares pontuáveis: 6) Alonso 7) Ricciardo 8) Vettel 9) Räikkönen 10) Perez.

46/53 1:41.830 é o melhor tempo neste GP, assinado por Bottas. Está ao ataque a Rosberg, o homem da Williams!

45/53 Fernando Alonso continua a defender-se bem de Ricciardo. O Ferrari vai mantendo o 6º posto, a cerca de meio segundo do Red Bull.

43/53 A 10 voltas do final, os cinco pilotos da frente: 1) Hamilton 2) Rosberg 3) Bottas 4) Button 5) Magnussen. Entretanto, Gutierrez pára finalmente. Grande gestão de pneus do mexicano.

42/53 Ricciardo aperta com Alonso, que é neste momento 6º. O Ferrari está a cerca de 0,6s, e portanto em posição de ser atacado pelo DRS do Red Bull.

40/53 Permanece a dúvida se Rosberg terá ainda de trocar de pneus. A equipa pergunta-lhe se os consegue levar ao final, e Rosberg responde de forma curiosa: «Sim, sim, fácil!... Bom, não, fácil não vai ser, mas acho que consigo.»

39/53 Räikkönen pressiona Gutierrez... e fazendo uso do DRS o homem da Ferrari passa mesmo o Sauber, após a recta da meta!

38/53 Esteban Gutierrez (9º) é o único que ainda não parou neste GP. O Sauber partiu com os pneus macios que ainda conserva, ao fim de 38 voltas. A Pirelli previa a troca às 34.

37/53 Nico Rosberg vai forçando o seu andamento e aponta as melhores voltas da corrida. Suspeita-se de uma segunda paragem iminente para o Mercedes.

35/53 Perez passa Kvyat à entrada da curva 3, e Massa aproveita o desposicionamento do russo da Toro Rosso para seguir colado atrás do Force India.

35/53 A menos de 20 voltas do final, vejamos como se distribuem os primeiros lugares: 1) Hamilton 2) Rosberg 3) Bottas 4) Button 5) Magnussen.

33/53 Penalização para Romain Grosjean! A direcção de corrida castiga o francês da Lotus pelo toque que resultou num pião de Adrian Sutil (Sauber).

32/53 «Vamos voltar a apanhá-lo.», diz a Williams a Bottas, informando o finlandês de que Rosberg já tem os actuais pneus desde a primeira volta.

31/53 Vettel pára finalmente nas boxes. Cai para 8º. Ao mesmo tempo, Rosberg já é 2º! O Mercedes ultrapassou Bottas na curva 2, ponto que tem sido quente neste GP.

30/53 Muitas alterações na classificação, depois da ronda de paragem nas boxes. 1) Hamilton 2) Vettel 3) Bottas 4) Rosberg 5) Button. Vettel ainda não parou.

29/53 Momentâneas bandeiras amarelas na curva 2. Adrian Sutil, em luta com Grosjean, sofre toque do homem da Lotus e faz um pião à frente do francês.

28/53 Massa pára pela segunda vez neste GP. Troca penus macios por novo conjunto de macios. Cai para 14º, o brasileiro da Williams.

28/53 Todos os pilotos que não tinham parado vêm entrando nas boxes. Hamilton entra agora e sai com pneus médios. Räikkönen parou na volta anterior, depois de ser ultrapassado por Rosberg.

26/53 Má paragem na box para Alonso... O espanhol vinha a fazer uma boa corrida, na terceira posição, mas vários erros dos seus mecânicos demoram-no em demasia. O técnico responsável por levantar o eixo dianteiro deixou cair o carro antes da troca de pneus estar concluída, e o seu substituto colocou-se depois à frente do carro, impedindo a saída pronta de Alonso.

26/53 Kamui Kobayashi abandona! Baixa para a Caterham. Sobreaquecimento dos travões é a causa da paragem do japonês.

25/53 Os cinco primeiros são agora: 1) Hamilton 2) Bottas 3) Alonso 4) Magnussen 5) Vettel.

24/53 Vergne pára nas boxes. Vinha a ser muito pressionado por Räikkönen, que se encontra agora com caminho livre no 6º posto. Tem Rosberg atrás de si, o homem da Ferrari.

23/53 Button é o primeiro dos cinco homens da frente a parar... E o inglês reentra atrás de Nico Rosberg, tal como previa a Mercedes!

23/53 Felipe Massa é o senhor que se segue a pressionar Perez. O brasileiro esforça-se por ultrapassar o Force India para seguir na cauda de Rosberg. Entretanto, o alemão comunica à equipa as suas dúvidas sobre a possibilidade de levar o seu set de pneus até ao fim.

21/53 Daniil Kvyat pára. O russo opta por pneus médios e assim deverá ir até final da prova. Romain Grosjean vem agora para a pit lane.

20/53 Não há alterações nos primeiros lugares: 1) Hamilton 2) Bottas 3) Button 4) Alonso 5) Magnussen. O Marussia de Chilton é o único abandono até ao momento.

20/53 Rosberg está já perto de entrar no top 10, ainda antes da maioria dos pilotos que estão à sua frente pararem. O alemão pressiona o Force India de Perez... E ultrapassa-o na curva 2!

19/53 Alonso, em 4º, vai progressivamente diminuindo o intervalo para Button, mas a diferença está ainda nos 3 segundos.

18/53 Lewis Hamilton continua imperial. A história repete-se por demasiadas vezes esta época. O inglês já tem mais de 4,5 segundos sobre Bottas, que é 2º.

16/53 Felipe Massa, que parou na primeira volta, segue atrás de Rosberg. O brasileiro é 13º, depois de utrapassar Hulkenberg. Rosberg é 12º, quando a Mercedes lhe comunica que o objectivo é o pódio.

15/53 Mantêm-se os pilotos da frente: 1) Hamilton 2) Bottas 3) Button 4) Alonso 5) Magnussen.

13/53 Nico Rosberg tem vindo lentamente a recuperar posições. Depois de parar logo na primeira volta, o alemão é agora 13º.

12/53 Ricciardo vem à box e troca para pneus médios. Poderá ser a única paragem para o australiano?

11/53 Max Chilton abandona. A Marussia perde assim o seu único monolugar em prova.

10/53 Hamilton continua a liderar e vai aumentando a vantagem. Tem o Williams de Bottas a quase 3 segundos. O Mercedes vai registando as melhores voltas, agora com 1:43.882.

8/53 Vettel vai segurando Ricciardo atrás de si, mas o combate está quente entre ambos. Perseguem-se num estilo de condução semelhante e agressivo. Há menos de 0,4s entre ambos.

6/53 Interessante o combate a quatro, entre os dois Red Bull e os seus irmãos da Toro Rosso. Ainda há pouco, Kvyat procurou ultrapassar Vergne em curva, com o russo a ter de subir o corrector da para não colidir com o colega.

5/53 Neste momento, os homens da frente são: 1) Hamilton 2) Bottas 3) Button 4) Alonso 5) Magnussen.

3/53 Bela luta entre Magnussen e Vergne ao longo da curva 3. O Toro Rosso fez a longa curva por fora mas ganhou mesmo a posição ao dinamarquês. 

2/53 Rosberg conquistou a P1 a Hamilton, mas queimou a primeira travagem e ultrapassou depois os limites da pista. A Mercedes informa o alemão de que tem de devolver a posição e Rosberg opta por vir mesmo à box, para trocar para pneus médios (brancos) e corrigir afinações. Queixava-se de vibrações no monolugar.

Volta 1/53 Início muito movimentado. Todos os pilotos muito juntos, alguns toques ligeiros e muito recurso às escapatórias e zonas para lá dos limites do traçado.

SINAIS VERDES! COMEÇA O GP DA RÚSSIA!

12:00 Os pilotos saem para a volta de aquecimento e formação. A grande maioria dos pilotos parece ter optado por pneus macios (amarelos).

11:58 A Mercedes pode sagrar-se já hoje campeã no mundial de construtores. Basta à marca alemã, que ocupa as duas primeiras posições na grelha de partida, não perder 18 pontos para a Red Bull.

11:55 Está praticamente tudo a postos para o arranque em Sochi! As equipas começam a desimpedir o grid para o primeiro GP da Rússia na história da F1.

11:50 Todos os pilotos se reúnem agora, abraçados num círculo, em torno do capacete de Jules Bianchi, antes de prosseguirem para os seus monolugares.

11:48 Canta-se o hino nacional russo. Casa cheia em Sochi, com mais de 55 mil espectadores.

11:46 Decorre neste momento a homenagem na grelha de partida: «Jules, we are all supporting you», pode ler-se no asfalto. Junto à mensgem, estão alinhados todos os pilotos do campeonato mundial de F1. (Imagem: BBC)

11:43 Dia triste para a Marussia, já que a equipa, ainda que tenha base no Reino Unido, está inscrita como russa, devido às suas ligação ao grupo Marussia Motors. Na sua corrida caseira, a equipa conta apenas com um carro, depois do acidente de Bianchi.

11:40 Pastor Maldonado (Lotus) cai um lugar, e partirá do final da grelha. O venezuelano, já penalizado por troca de motor em Suzuka, foi forçado a trocar de caixa-de-velocidades após a Qualificação de ontem.

11:34 Apesar do sol russo, paira sobre o paddock um sentimento de consternação pela situação de Jules Bianchi, que continua internado nos Cuidados Intensivos. Romain Grosjean, amigo próximo de Bianchi, resumiu o sentimento dos pilotos: «Race day, let's do it for Jules!», disse o homem da Lotus. Dentro de cerca de 10 minutos haverá uma homenagem oficial ao piloto da Marussia.

11:23 Os pilotos parecem encantados com o novo traçado do calendário de F1. Hamilton, celebrando a sua pole position, acrescentou que «É óptimo estar aqui. O local é muito bonito, o tempo tem estado incrível e estou a gostar imenso de conduzir nesta pista.»

11:10 O tempo tem estado extraordinário ao longo de todo o fim-de-semana em Sochi. Hoje, o sol está novamente aberto, e a temperatura do ar circulará entre os 15ºC e os 23ºC.

11:07 Estamos já a menos de uma hora do arranque para o GP da Rússia em F1. Em directo no VAVEL.com.

10:50 Recordamos que a Marussia competirá apenas com um carro no GP da Rússia, com Max Chilton. Após o grave acidente de Jules Bianchi no Japão, no passado fim-de-semana, que deixou o piloto internado em estado crítico, a equipa decidiu, por respeito, não substituir o jovem francês. São diversos os pilotos que hoje correrão com o nome de Bianchi no seu equipamento, e a Marussia mantém o seu nome e monolugar na garagem da equipa.

10:45 A pouco mais de uma hora do arranque, recordemos a grelha de partida:

1 Hamilton Mercedes
2 Rosberg Mercedes
3 Bottas Williams
4 Button McLaren
5 Kvyat Toro Rosso
6 Ricciardo Red Bull
7 Alonso Ferrari
8 Räikkönen Ferrari
9 Vergne Toro Rosso
10 Vettel Red Bull
11 Magnussen McLaren
12 Perez Force India
13 Gutierrez Sauber
14 Sutil Sauber
15 Grosjean Lotus
16 Ericsson Caterham
17 Hulkenberg Force India
18 Massa Williams
19 Kobayashi Caterham
20 Maldonado Lotus
21 Chilton Marussia

10:40 A ordem de partida mexeu bastante após a Qualificação, com vários pilotos a serem penalizados. Hulkenberg (Force India), Magnussen (McLaren) e Chilton (Marussia) sofreram penalizações de 5 lugares por troca de caixas-de-velocidades. Maldonado (Lotus) cai também 5 lugares, para cumprir a restante penalização de 10 lugares após troca de motor no GP do Japão.

10:30 Em sentido contrário, Daniil Kvyat exibiu-se em grande forma perante o seu público. O jovem russo da Toro Rosso alcançou o seu melhor resultado em qualificações, ao inscrever o seu nome no 5º lugar da grelha.

10:24 Sebastian Vettel, o tetra-campeão mundial que, no final da temporada, trocará a Red Bull pela Ferrari, foi a principal desilusão da Qualificação russa. O alemão demorou a sair para a pista na Q2 e acabou por não conseguir evitar a eliminação precoce. Partirá em 10º (beneficiando da penalização aplicada a Magnussen).

10:20 Como referimos, Lewis Hamilton (Mercedes) conquistou ontem a pole position, partindo na frente pela sétima vez esta temporada. Uma vez mais, a Mercedes ocupa também toda a primeira linha, já que Nico Rosberg foi o segundo mais rápido. Esta será mais uma corrida importante para a luta entre os dois companheiros pelo título. Hamilton é 1º no campeonato, com 266 pontos, apenas mais 10 do que Rosberg.

10:15 Os pilotos terão de completar 53 voltas ao percurso, para uma distância total de 309.745 km. Com os pilotos a rodar na Qualificação entre 1:38.513 (Lewis Hamilton, pole position) e 1:43.649 (Max Chilton, o mais lento da sessão), poderemos esperar uma longa corrida em solo russo.

10:12 O circuito conta com duas zonas de DRS: a primeira na recta que se segue à primeira curva, e a segunda entre as suaves curvas 11 e 12. O traçado de Sochi apresenta uma grande variedade de perfis de curva, desde curvas suaves, quase imperceptíveis (como as 1, 11 e 12) a curvas de 90 graus, que constituem a maioria, e ainda ao largo gancho da curva 3. (Imagem: formula1.com)

10:08 O circuito de Sochi tem uma extensão de 5.853km, desenhados ao longo de 19 curvas. Actualmente, é o terceiro traçado mais extenso do campeonato, atrás de Spa-Francorchamps (GP da Bélgica) e de Silverstone, que recebe o GP do Reino Unido.

10:05 Construído em Sochi, junto ao Mar Negro, inserido no complexo que a Rússia construiu para receber os Jogos Olímpicos de Inverno deste ano, o circuito insere-se na já extensa lista de traçados com assinatura do famoso arquitecto Hermann Tilke.

10:00 Muito bom dia! Sejam bem-vindos a nova transmissão do campeonato mundial de F1, no VAVEL.com. Hoje vamos até ao Sochi Autodrom, circuito que terá hoje a sua primeira prova de F1: o GP da Rússia!

VAVEL Logo
CHAT