FP1 do GP de Abu Dhabi: Mercedes quer dominar até final
Hamilton terminou a sessão na liderança (Foto: EPA)

FP1 do GP de Abu Dhabi: Mercedes quer dominar até final

Hamilton obteve o melhor tempo na primeira sessão de treinos no circuito de Yas Marina. Acompanhado de perto por Rosberg, que chegou a ter a P1, os dois Mercedes afastaram toda a concorrência, impondo um dos maiores intervalos da temporada.

hugopalmeida
Hugo Picado de Almeida

A última corrida da temporada, o GP de Abu Dhabi, parece prometer manter a narrativa da temporada: os Mercedes continuam a dominar, com Hamilton e Rosberg lutando pelo tempo mais rápido da primeira sessão de treinos livres, sob o sol de Yas Marina. Foram os únicos pilotos a rodar no segundo 43, com Hamilton a bater o companheiro por menos de dois décimos de segundo, com 1:43,476. Fernando Alonso, nos seus últimos FP1 pela Ferrari, terminou a sessão em 3º, a cerca de 1,5s dos Mercedes.

Sessão atribulada para a Williams

Massa e Bottas tiveram estranhos problemas nos seus Williams, com pedaços da carroçaria a soltar-se de ambos os monolugares, no local onde a cobertura do motor se une à lateral do veículo, e a destruir a sessão dos monolugares brancos. Massa completou apenas seteve voltas, ficando em 13º, ao passo que Bottas segurou o 8º melhor tempo com apenas oito voltas. Esteve atarefada a garagem da Williams, com nenhuma razão aparente para a mesma curiosa falha nos dois monolugares, sendo que estes não receberão novas partes nem qualquer alteração estrutural.

Williams de Bottas com problemas na carroçaria (Imagem: BBC).

Alguns pilotos sentiram ainda problemas na curva 1, uma viragem a 90º para a esquerda no final da primeira recta. Daniil Kvyat chegou a queixar-se aos seus engenheiros de que os pneus do seu Toro Rosso não tinham temperatura suficiente para a abordar em condições, e Maldonado chegou mesmo a levar o seu Lotus para fora de pista.

Estreias para Will Stevens e Adderly Fong

Will Stevens, na Caterham, teve uma estreia agridoce na F1. Devido a problemas no monolugar, foi apenas nos últimos 10 minutos da sessão que o britânico pôde rolar na pista. Ainda assim, o jovem parece ter-se ambientado bem, tendo reduzido o seu tempo em cerca de 5 segundos ao longo das 11 voltas que conseguiu completar. Stevens foi, contudo, o piloto mais lento da sessão, ao apontar um melhor tempo pessoal de 1:50,684.

Merecem ainda referência Esteban Ocon, que substituiu Romain Grosjean no segundo Lotus, e Adderly Fong, que se sentou no Sauber de Adrian Sutil. Ocon conseguiu o 16º melhor tempo na sua primeira aparição em FP1, ficando à frente de Kobayashi, enquanto que o jovem chinês, na sua estreia na F1, foi 19º.

Apesar do que chegou a ser anunciado pela própria equipa, a Marussia não conseguiu reunir condições para concluir a sua viagem até Abu Dhabi.

VAVEL Logo
CHAT