Sporting recebe Estoril: Ano novo, problema antigo

Sporting recebe Estoril: Ano novo, problema antigo

Naquele que será o seu primeiro jogo de 2015, o Sporting recebe o Estoril numa partida a contar para a 15ª jornada da Liga Portuguesa. Para além da tensão que se vive para os lados de Alvalade, os leões entram no novo ano recebendo um adversário que saiu de casa do leão com pontos nas duas últimas temporadas, muito graças a...Marco Silva.

Francisco_Ferreira
Francisco Ferreira Gomes

O barómetro de Alvalade

O Sporting vive um momento delicado, isto apesar dos dois últimos triunfos (Nacional da Madeira para o campeonato, Vitória de Guimarães para a Taça da Liga). Perante esta situação, muitas "figuras" associadas ao Sporting têm vindo a público (algumas mais do que uma vez) expressar a sua preocupação e, acima de tudo, a sua opinião acerca dos responsáveis pela delicada situação do clube leonino, demonstrando alguma tendência para a piromania. A verdade é que, perante o blackout vigente em Alvalade, estas declarações têm constituído o único narrador de uma novela que já se arrasta há algum tempo.

Contudo, e por mais bem articulada que seja a retórica e relevância desses "notáveis", a verdade é que a voz que interessa ouvir é a dos adeptos sportinguistas, a verdadeira força do clube leonino. Após dois triunfos fora de casa, a equipa de Marco Silva regressa para Alvalade, e para junto de uns adeptos que certamente se farão ouvir na partida do próximo Sábado, expressando a sua vontade e juízo relativamente, não só ao momento do seu clube do coração, mas também aos intervenientes directos na peça em cena. Quem será o herói? Teremos de esperar pelo correr da cortina de um espectáculo que os adeptos leoninos certamente não mereciam. (foto: ASF)

História a dois tempos

Se atentarmos para a cronologia das visitas do Estoril a casa do leão, verificamos duas partes bem distintas e que podemos denominar de: antes de Marco Silva e durante Marco Silva.

A primeira parte é respeitante às visitas dos canarinhos a Alvalade antes da chegada do técnico lisboeta; em vinte partidas, o Estoril registou dezanove derrotas e apenas um empate a um golo na temporada 1992/93.

Após alguns anos na Segunda Liga, o Estoril voltou à alta roda do futebol nacional e, consequentemente, voltou a visitar Alvalade. Com Marco Silva aos comandos, os estorilistas registaram um empate a dois golos (a dada altura venciam por 0-2) em 2012/2013, e ainda uma vitória no ano passado por 0-1, a primeira da história da equipa da Linha no reduto leonino.

Mas se olharmos para a história no seu todo, verificamos que o domínio do Sporting é avassalador. Dos dezanove triunfos destaque para uma vitória por 8-1, na temporada 1951/52. Numa altura em que os Cinco Violinos davam concertos por todo o país, um deles, Vasques, assinou um poker diante dos estorilistas, contribuindo assim para a vitória mais folgada dos leões diante da equipa da Linha. (foto: ASF)

Tudo é possível

Para José Couceiro, a situação actual vivida pelo Sporting em nada beneficia a sua equipa para o embate deste sábado. O técnico estorilista acha mesmo que este tipo de situações acaba mesmo por constituir um factor de união na equipa. (foto:ASF)

«Nestas situações é normal o balneário fechar e unir-se. Não espero nenhuma facilidade, espero um jogo muito mais complicado, e uma equipa muito bem orientada, mas não há impossíveis.».

Quanto ao jogo propriamente dito, o técnico dos canarinhos espera uma partida difícil entre duas equipas que lutam sempre pelos três pontos. «Espero um bom jogo, entre duas equipas que têm apostado em ganhar jogos, em vez de tentar não os perder. É sempre positivo.».

O desafio de Sábado marca também o regresso de Nani ao onze do Sporting. José Couceiro elogia o internacional português, mas defende que a estratégia da sua equipa não será alterada apenas pela presença do 77 dos leões.

«Isso não vai alterar a nossa estratégia. O Nani é um jogador que tem feito a diferença no campeonato, mas o Sporting é uma equipa recheada de internacionais e de jogadores com qualidade.». Couceiro chamou 20 jogadores para a deslocação a Alvalade. Vágner, Arthuro e Filipe Gonçalves são ausências devido a lesão.

Lista de convocados:
Guarda-redes: Kieszek, Rúben Dionísio
Defesas: Yohan Tavares, Anderson Luís, Mano, Emídio Rafael, Rúben Fernandes, Bruno Nascimento
Médios: Afonso Taira, Anderson Esiti, Matías Cabrera, Diogo Amado, Babanco, Tozé
Avançados: Balboa, Kléber, Sebá, Kuca, Ricardo Vaz, Fernandinho

A partida deste sábado está marcada para as 18 horas, e terá arbitragem de Artur Soares Dias da AF do Porto.

VAVEL Logo
CHAT