Benfica contra Marítimo: Viagem à ilha para manter vantagem

Benfica contra Marítimo: Viagem à ilha para manter vantagem

O líder Benfica desloca-se, hoje, ao Estádio dos Barreiros para defrontar o Marítimo, 10º classificado, a fazer cumprir o calendário da 17ª jornada e na procura da vitória que permita manter a liderança confortável de 6 pontos com que entram nesta partida. (Foto: Record.xl.pt)

maraguerra
Mara Guerra

«Será um jogo extremamente complicado» antevê Jorge Jesus, sobre o teste da sua equipa num terreno tradicionalmente complicado. A época passada o Benfica perdeu pontos na Madeira (2-1), que nesta fase podem ser cruciais na garantia da liderança encarnada. O rival directo, Futebol Clube do Porto, cumpriu ontem no seu jogo (venceu 3-1 em Penafiel) e uma eventual derrota resultaria na margem frágil de 3 pontos. Ainda assim, as águias contam com o histórico positivo de partidas disputadas nos Barreiros: em 34 partidas, conta com 15 vitórias, enquanto os madeirenses com apenas 7.

Regresso da dupla de centrais

Na 300º vez que teremos oportunidade de ver Jorge Jesus no banco do Benfica, a equipa será apresentada sem alterações significativas, sendo que o regresso da dupla Jardel – Luisão no sector defensivo será a única novidade. O capitão está completamente recuperado da lesão que o atormentava nas últimas semanas, cedendo o lugar a César no lote dos lesionados. O central saiu queixoso na partida frente ao Arouca, a contar para a Taça da Liga, e está a recuperar de lesão muscular na coxa direita.

Do lado dos insulares, as baixas por lesão revelam-se mais significativas e começam no guardião habitual: Salin treinou condicionado durante a semana, até à confirmação de que não teria condições para enfrentar a partida, cedendo as redes ao jovem José Sá. Também Igor Rossi e Dyego Sousa ficaram de fora por lesão, dando espaço a novas chamadas na equipa do Marítimo, como a de Vidales (avançado).

Optimismo de Pontes 

Ainda assim, Leonel Pontes, técnico maritimista, deixa uma mensagem optimista na antevisão da partida: «Quero que sejamos uma equipa de raça e competitiva para vencer ao Benfica e deixar os adeptos orgulhosos. Temos de estar numa tarde boa». Esta deverá ser a tarde de estreia para o seu reforço de Inverno, Raul Silva.

A lotação espera-se esgotada na Madeira, em data da inauguração da sua nova bancada, que permitiu alargar a lotação do Estádio dos Barreiros para os 7000 lugares. Por isso, Jorge Jesus acredita que os adeptos poderão ser preponderantes na definição do resultado: «Espero que os adeptos do Benfica compareçam e nos possam ajudar. Tem sido assim nos últimos anos e isso pode tornar o jogo mais confortável. É um jogo de dificuldade, mas o Benfica tem a obrigação de corresponder».

A partida será ajuizada por Carlos Xistra (AF Castelo Branco) e tem início marcado para as 18:00.

VAVEL Logo
CHAT