Sporting x Nacional: O Jamor como destino
Leões e madeirenses querem um lugar no Jamor (Foto:record.pt)

Sporting x Nacional: O Jamor como destino

Sporting e Nacional jogam esta noite por um lugar no Estádio do Jamor, palco da final da Taça de Portugal. É o encontro de uma época e como tal, estará muito mais do que uma final em jogo.

RodolfoReis
Rodolfo Reis

O Sporting procura esta noite garantir a sua 27ª presença em finais da Taça de Portugal, enquanto o Nacional tenta chegar ao Jamor pela primeira vez na sua história. Os leões levam já quinze títulos numa prova que já não vencem desde 2008, quando então derrotaram o FC Porto por 0-2 com Rodrigo Tiuí a marcar dois golos no prolongamento. Já os madeirenses estão pela terceira vez numa meia-final, na qual já defrontaram o Sporting por duas ocasiões, sempre com os leões a saírem vencedores. Esta época os dois conjuntos já se defrontaram para o campeonato na Madeira, onde a equipa de Alvalade bateu os alvinegros por 0-1, com um golo de Carlos Mané. Daqui a menos de um mês terá lugar a partida da segunda volta em Alvalade.

Carlos Mané decidiu o jogo do campeonato (Foto: maisfutebol.iol.pt)

Na partida da primeira mão jogada há pouco mais de um mês verificou-se uma igualdade a dois. Num jogo onde o Sporting correu sempre atrás do marcador, os golos surgiram todos na segunda parte com Luis Aurélio a dar vantagem ao Nacional. Tobias Figueiredo repôs o empate, que foi desfeito por Lucas João e foi já com os leões reduzidos a dez, por expulsão de Miguel Lopes que Carlos Mané perto do fim fez o 2-2.

Quando entrarem em campo logo mais, os leões sabem que a vantagem está toda do seu lado já que o empate a dois golos da primeira mão lhes permite jogar com dois resultados possíveis, a vitória ou uma igualdade inferior a dois golos. Já o Nacional vai ter de fazer algo que só o Chelsea na Liga dos Campeões conseguiu esta temporada em Alvalade, ganhar pelo menos 0-1. De resto o único triunfo dos madeirenses no reduto leonino aconteceu para o campeonato em 2005, na última jornada por 2-4, que atirou o Sporting para fora dos lugares de acesso à liga milionária.

No que diz respeito à Taça de Portugal o histórico é todo a favor do Sporting, que em seis jogos com a formação madeirense venceu três e empatou outros três. No entanto em Alvalade a formação verde e branca nunca conseguiu derrotar o Nacional. Em 2001 num grande jogo de futebol, nem os 120 minutos chegaram para decidir o vencedor numa partida que acabou empatada a três bolas, (resultado que esta noite daria o apuramento à equipa da Madeira) e foi preciso recorrer a um segundo encontro então na ilha com os leões a vencerem por 0-2.

A outra igualdade aconteceu mais recentemente em 2002, na primeira mão das meias-finais com o resultado a ser um 2-2. Numa partida que começou mal para o Sporting, já que ao intervalo perdia por 0-2 com os golos insulares a serem apontados por Mário Rondón e Candeias. Só que no quarto de hora final Elias e Schaars deram o empate à equipa da casa, que acabaria por levar a melhor no desafio da segunda mão vencendo na Madeira por 1-3 e garantindo o lugar na final do Jamor, que acabaria por peder frente à Académica por 1-0.

O jogo de logo mais pode também decidir muito do futuro de Marco Silva à frente da equipa leonina. Uma eventual eliminação em casa deixando o Sporting fora da luta do único título que pode conquistar esta temporada, irá colocar o técnico numa posição nada confortável perante Bruno de Carvalho que já fez saber que é obrigação dos leões ganharem a Taça de Portugal. O empate na última jornada do campeonato em Paços Ferreira não ajudou em nada, mas o treinador espera uma resposta à altura já esta noite.

No lado do Nacional o cenário não é melhor, a formação madeirense já não vence à cinco partidas, embora tenha tido um empate frente ao FC Porto, o último triunfo foi diante do Vitória Setúbal na Choupana por 3-0. Se olharmos apenas os jogos disputados fora de casa os resultados são catastróficos, já que em dezoito encontros os madeirenses só ganharam dois, frente a Paços Ferreira e Moreirense, curiosamente ambos por 2-3. O treinador Manuel Machado só por uma vez derrotou o Sporting em Alvalade, foi na temporada de 2010-2011, quando então orientava o Vitória Guimarães, saíndo vencedor por 2-3.

Em relação às equipas que devem entrar de início esta noite em Alvalade, no lado do Sporting o central Paulo Oliveira e o médio Adrien Silva que falharam a partida em Paços Ferreira devido a castigo devem voltar a fazer parte do onze titular, restando ainda as dúvidas, em se Miguel Lopes continuará a relegar Cédric para o banco de suplentes e se a fadiga de Slimani que o obrigou a ser substituído na Mata Real, o vai fazer dar o seu lugar a Montero.

No que diz respeito ao Nacional, os convocados são os mesmos do encontro do último fim-de-semana com o Benfica, o que faz pensar que Manuel Machado poderá voltar a apostar no mesmo onze titular. O encontro está marcado para as 20h00 horas, e vai ter arbitragem do lisboeta Hugo Miguel.

VAVEL Logo
CHAT