United x City: Terceiro lugar em disputa no «derby» de Manchester

United x City: Terceiro lugar em disputa no «derby» de Manchester

O Manchester United receberá no próximo Domingo o rival eterno Manchester City, numa partida da Premier League que poderá esclarecer quem irá ocupar a terceira posição da tabela. Num «derby» com mais de 130 anos, a derrota significará um prematuro adeus dos «Citizens» ao título.

paulopereira79
Paulo Pereira

O duelo de Manchester encerra uma história longa de confrontos entre as duas equipas. O primeiro duelo entre os rivais eternos ocorreu a 12 Novembro de 1881, na altura o Manchester City chamava-se West Gorton e o Manchester United, Newton Heath -  jogo histórico que fundou o registo de confrontos acabou com a vitória por 3-0 do Newton Heath. No total de duelos os «Red Devils» venceram 69 jogos, empataram 50 e os «Citizens» venceu 49. O melhor marcador da História dos «derbies» é Wayne Rooney com 11 golos e o jogador com mais presenças é Ryan Giggs, que participou em 36 partidas.

Embora o Manchester United seja um clube com muitos mais títulos (foi 20 vezes campeão inglês e três vezes campeão europeu) em comparação com o Manchester City (quatro vezes campeão de Inglaterra e apenas uma Taça das Taças em 1969-70) a verdade é que o duelo entre as duas equipas foi sempre equilibrado, à imagem do que aconteceu também na presente temporada - na primeira volta os «Citizens« venceram por 1-0, golo de Kun Aguero ao minuto 63.

Neste momento o United está em terceiro com 62 pontos e o City aparece logo a seguir em quarto com 61; nos jogos anteriores, o Manchester United venceu em casa o Aston Villa por 3-1 e o Manchester City perdeu na sua deslocação a Londres 2-1 frente ao Crystal Palace, comprometendo seriamente as últimas esperanças na corrida pelo título da Premier League, cada vez mais entregue ao Chelsea de Mourinho - em caso de capitulação frente ao United, os «Citizens» praticamente abdicam do título.

Quem poderá falhar o «derby», do lado do City será o internacional costa-marfinense Wilfred Bony que se depara com uma lesão no tornozelo. Confiante para o jogo está Louis Van Gaal, treinador do Manchester United, que acha que a evolução da equipa vai fazer a diferença. «Nós temos a equipa desenvolvida. Acho que também a confiança dos nossos jogadores é outra no momento, mas também as nossas performances mostram este é outro Manchester United. Claro que sonho com a vitória, todos os jogadores sonham também vencer esse jogo. Há alguns dias que estamos a pensar numa forma para vencer o City. Claro que queremos vencer porque será um grande passo na classificação», aproveitando para desvalorizar o oponente: «Tive mais medo do jogo com o Aston Villa do que tenho em relação a este, pois todos os jogadores devem estar motivados ao máximo para vencer e isso, neste, é mais fácil de conseguir».

Manuel Pellegrini, treinador do Manchester City, colocou em análise o fraco rendimento do United, tendo em conta os avultados investimentos: «Contrataram bons jogadores, como Di María e Falcao, e na época passada já tinham contratado Juan Mata. Por isso, o que é estranho para mim é o facto de não terem feito melhor desde o início, pois têm um plantel muito forte».

Sobre o jogo, Vincent Kompany, central e capitão dos «Citizens», garantiu que esta é uma boa altura para o «derby» - «Até acho que é um momento bom para este jogo. Embora eles estejam num melhor momento e um pouco melhores do que nós, mas é o jogo ideal para retificar a derrota frente ao Crystal Palace”. Um outro belga mas este do lado do Manchester United, Fellaini, reafirma a determinação em vencer. “Nós temos de fazer tudo para vencer», declarou na antevisão do jogo de rivais.

VAVEL Logo
CHAT