Ex-jogadores «blancos» que estragaram festas ao Real Madrid

Ex-jogadores «blancos» que estragaram festas ao Real Madrid

Álvaro Morata ontem, ao marcar dois golos, impossibilitou uma final estritamente espanhola e a Juventus volta a estar numa final europeia em 12 anos.

paulopereira79
Paulo Pereira

Álvaro Morata, ex-jogador do Real Madrid formado na cantera «blanca», com os seus dois golos, impediu que o seu antigo clube disputasse a final da Liga dos Campeões com o Barcelona. Mas durante a história houve outros que contribuíram para que o clube madrileno não alcançasse os seus objectivos.

* Dani Parejo, médio titular do Valência que na época 2013/14 marcou no empate a dois no Santiago Bernabéu. Já tinha marcado anteriormente ao Real pelo Getafe.

* Samuel Eto´o, o camaronês marcou no total dez golos ao Real, entre Mallorca e Barcelona, cinco dos quais no estádio dos «Merengues» e por vezes com dedicatória de vingança doce, pelo facto de ter sido dispensado.

* Dani, o jogador espanhol marcou na Final da Taça do Rei da época 2003/04 - o seu clube na altura, o Saragoça, venceu por 3-2.

* Bernd Schuster foi outro dos antigos jogadores do Real que marcou ao antigo clube. O alemão marcou na Final da Taça do Rei pelo Atlético, no Santiago Bernabéu, num jogo que acabou com o resultado de 2-0; o segundo tento apontado pelo português Paulo Futre.

* O actual técnico do Barça, Luis Enrique, marcou cinco golos aos «blancos», um dos quais especialmente doloroso - a 1 de novembro de 1997 no Bernabéu na vitória por 3-2 do Barcelona.

* Fernando Morientes, que na época 2003/04 marcou dois golos ao antigo clube. Na Liga dos Campeões, marcou na casa do Real Madrid num jogo que terminou 4-2, ajudando assim na eliminação dos «merengues» - o Mónaco triunfou por 3-1.

VAVEL Logo
CHAT