Moreirense x Porto: Dragão quer continuar a cuspir fogo na Liga

Moreirense x Porto: Dragão quer continuar a cuspir fogo na Liga

Depois da euforia da vitória sobre o rival Benfica, o líder Porto desloca-se esta noite a Moreira de Cónegos para defrontar o Moreirense, que soma apenas um ponto neste campeonato.

vavel
VAVEL

A embalagem não poderia ser melhor para a turma da cidade Invicta: o FC Porto segue na liderança do campeonato e, à sexta jornada, conta já com quatro pontos de avanço sobre o bicampeão Benfica, rival que saiu derrotado do Dragão na passada jornada (1-0). A motivação foi reforçada pelo golo solitário (e decisivo) do médio André André, tónico ideal para lançar o Porto na euforia vitoriosa do clássico e banhar a equipa de Julen Lopetegui no mar da confiança - hoje, frente ao Moreirense, o Porto pode adicionar ainda mais sobre os rivais directos.

Moreirense: longe de ser difícil, já provou que pode tornar-se...complicado

Caso vença a partida desta noite, o Porto deixa, ainda que temporariamente, o Benfica a sete pontos e o Sporting a três, atraso que, no caso dos encarnados, coloca a equipa da Luz na zona de perigo total (tornando o Benfica x Paços de Ferreira num jogo de vitória caseira obrigatória). Mas, para elevar a fasquia da pressão pontual, o FC Porto terá de bater o Moreirense, tarefa que, à partida, está longe de ser hercúlea: a equipa de Moreira de Cónegos só somou um ponto nas cinco partidas da Liga e procura ainda a primeira vitória, pecha que partilha com a Académica.

Apesar do pobre arranque de campeonato (apenas dois tentos marcados e nove concedidos), o Moreirense deu nas vistas precisamente no único jogo disputado diante de um candidato ao título, o Benfica - na Luz, a equipa orientada por Miguel Leal resistiu com estoicidade às investidas encarnadas e, depois de ter estado a ganhar (0-1 aos 29 minutos, por Rafael Martins) e de ter chegado à igualdade tardia (2-2 aos 85 minutos, por Rámon Cardozo), acabou por perder após golo do avançado Jonas. Hoje, no estádio Comendador Joaquim de Almeida Freitas, o Moreirense tentará aplicar o contra-ataque e fiar-se na eficácia de avançados como Rámon Cardozo ou o veloz Ernest e o imprevisível Iuri Medeiros.

Aboubakar e André André vivem momento de fulgor inegável

Mas o momento é do Porto: a equipa de Lopetegui respira confiança após o triunfo sobre o rival Benfica e vários são os jogadores portistas que atravessam um momento positivo. Se Vincent Aboubakar demonstra, a cada jogo, que pode ser um tremendo valor ofensivo capaz de oferecer à equipa recursos múltiplos que não se cingem à tarefa típica do ponta-de-lança, André André reflecte, no miolo do campo, a sua qualidade na leitura do jogo e na distribuição das acções ofensivas; com critério e meticulosidade, o médio luso vai afirmando-se como o organizador de jogo do Porto, ultrapassando a concorrência de Herrera.

A norma tem sido inequívoca até aqui - nunca o Moreirense foi capaz de bater o FC Porto. Nas onze partidas que perfazem o historial de confrontos entre as duas formações, o melhor que o conjunto de Moreira de Cónegos conseguiu foram dois empates (ambos por 1-1 e ambos em casa) nas temporadas 2003/2004 e 2004/2005. Se o registo histórico das duas equipas não dá qualquer alento ao Moreirense, a performance do Porto nos jogos da Liga também não fará melhor pelas esperanças dos pupilos de Miguel Leal - o Dragão não perde um duelo no campeonato há 21 jogos.

Onzes prováveis do jogo Moreirense x Porto:

VAVEL Logo
CHAT