Benfica x Sporting: Mitroglou/Jonas - Teo/Slimani em luta de golos
Foto via: RR.Sapo.pt

Benfica x Sporting: Mitroglou/Jonas - Teo/Slimani em luta de golos

No Domingo, defrontam-se na Luz duas das duplas mais mortíferas do campeonato. 4 nomes, muitos golos.

ffontes93
Francisco Fontes

No dia 25 de Outubro, o Estádio da Luz irá ser palco de exibição para mais um Benfica x Sporting. Nas fileiras dos dois clubes encontram-se jogadores de inegável qualidade, sendo que as dianteiras são sectores particularmente prolíferos naquilo que toca a golos.

Mitroglou e Jonas: Parceria goleadora

A dupla Mitroglou/Jonas pouco ou nada já tem a provar no campeonato Português. Dois jogadores de qualidade reconhecida, que já mostraram os seus atributos ao mais alto nível Europeu (i.e Liga dos Campeões). Recorde-se, por exemplo, que o Grego conta já com 14 tentos na prova milionária, ao longo da sua carreira.

Já no campeonato Português, a história de sucesso destes dois jogadores não é muito diferente. Jonas, que chegou apenas o ano passado à Luz e conseguiu logo arrecadar o prémio de melhor jogador da Liga NOS 2014/2015 apontou no ano passado 20 golos em 25 jogos, um registo notável.

Jonas teve um papel determinante no Bicampeonato do Benfica. (Fonte: Lusa)

Este ano, o Brasileiro parece determinado a superar esta estatística e no que leva do campeonato (6 jornadas), já aponto 7 golos. Números avassaladores para um jogador de 31 anos.

Já Mitroglou tem-se dado bem com os golos em solo Português. Mitro Golo, como é carinhosamente apelidado pelos adeptos das Águias conta já com 3 golos em 6 jogos, bons números para quem ainda está num processo de adaptação ao futebol Luso. No total, a dupla matadora anotou 10 dos 16 golos da equipa, o que mostra bem a preponderância dos dois goleadores no processo ofensivo do Benfica.

Os dois avançados são responsáveis por 63% dos golos da equipa na Liga. (Fonte: Mais Futebol)

Slimani e Teo: À procura da melhor forma

A dupla Sportinguista composta por Slimani e Teo, apesar de não estar totalmente sincronizada naquilo que toca ao jogo colectivo (sobretudo Teo) não tem deixado de fazer o gosto ao pé. Apesar de não terem carreiras tão reconhecidas a nível Europeu como os dois goleadores do Benfica, os dois jogadores do Sporting são atletas de muito calibre, nomeadamente Slimani, um rato de área que tem vindo a ver a sua cotação disparar nos mercados Europeus.

A ascensão de Slimani no futebol Português é inegável. Chegado em 2013/2014 com o rótulo de suplente/reserva, o Argelino rapidamente mostrou que era o avançado que faltava ao Sporting e veio a cimentar a sua posição como um dos grandes goleadores do campeonato. Ao fim de duas épocas e uns meses da terceira, Super Slim conta já com 25 golos no campeoanto ao serviço do Sporting (5 dos quais esta época), sendo que apenas a partir do ano passado é que começou a ser aposta regular no 11 titular Leonino. Slimani é um predador de área, um jogador muito oportuno, que sabe sempre estar no lugar certo à hora certa.

Slimani tornou-se na maior ameaça ofensiva do Sporting no último ano. (Fonte: Lusa)

Já Teo Gutierrez tem demonstrado maior dificuldade em adaptar-se à realidade Europeia. A explicação é fácil: Não é por falta de qualidade (o Colombiano é titular, na sua selecção, à frente de nomes consolidados no futebol Europeu como Jackson ou Falcao) mas sim por encontrar na Europa um ritmo de jogo e intensidade totalmente diferentes daquele que vigora na América do Sul, onde o jogador actuou durante largos anos da sua carreira.

Em termos estatísticos, o jogador Colombiano apenas conseguiu fazer o gosto ao pé uma vez na Liga, apesar de ter já 4 golos na totalidade da época ao serviço dos Leões.

VAVEL Logo
CHAT