Especial: As cedências dos 3 grandes (Porto - Boly, João Teixeira e Adrián López)
Especial Vavel: cedências dos três grandes.

Especial: As cedências dos 3 grandes (Porto - Boly, João Teixeira e Adrián López)

O Futebol Clube do Porto todos os anos, procura emprestar vários dos seus jogadores com o objectivo de crescerem e se desenvolverem, para mais tarde regressarem ou serem vendidos. Na época 2017/2018 temos uma quantidade extensa, no entanto, olhemos apenas para os exemplos seguintes: Boly, João Teixeira e Adrián López.

joao-pedro-cruz
João Pedro Cruz

Willy Boly

Willy Boly, contratado ao Sporting de Braga na época 2016/2017 por uma verba a rondar os 6.5 milhões de euros, é francês de 27 anos, que atua neste momento no Wolverhampton, orientado pelo antigo treinador dos dragões, Nuno Espírito Santo.

O defesa central assim que chegou à segunda divisão Inglesa, impôs-se na equipa e tornou-se num elemento fundamental. Conta já com 23 jogos disputados, divididos entre a liga e a taça, e dois golos marcados.

A sua boa forma física conquistou os adeptos e até mesmo os dirigentes do clube, que ponderam a sua contratação a título definitivo. No entanto, os azuis e brancos só estarão disponíveis para vender o seu passe caso chegue uma proposta a rondar os 12 milhões.

João Carlos Teixeira

Conhecido pela sua qualidade técnica, João Carlos Teixeira, um jovem de 25 anos contratado ao Liverpool na época 2016/2017 a custo zero, é, na presente época, um jogador emprestado dos dragões ao SC Braga. O médio com pouco espaço na equipa azul e branca vê neste novo desafio um possível desenvolvimento técnico-tático, para que no final do empréstimo possa regressar ao FC Porto.

A equipa arsenalista tem optado por usá-lo mais frequentemente nas competições europeias, para uma gestão do plantel, mas João Teixeira tem aproveitado essas oportunidades para demonstrar o seu valor.

Conta com 5 jogos num total de 5 na Liga Europa, mas tem também outros 17, divididos pela Liga Portuguesa e Taça da Liga, tendo apenas marcado por uma vez.

Adrián López

Adrián López, avançado de 30 anos, contratado pelos azuis e brancos em 2014 por 11 milhões de euros, nunca conseguiu impor-se nos dragões, tendo estado todas as épocas até então emprestado.

O Villareal foi o seu destino por duas épocas consecutivas, mas as constantes lesões impossibilitaram o seu uso.

Emprestado de novo, mas desta vez ao Deportivo, Adrián participou em 17 jogos e marcou 5 golos, sendo pouco para um avançado. No entanto, mantém-se positivo e feliz na Corunha.

VAVEL Logo